Menu
Busca segunda, 28 de setembro de 2020
Busca
(67) 3345-4200
Campo Grande
34ºmax
24ºmin
Notícias

Novo presidente paraguaio anuncia tratamento especial a brasiguaios

25 junho 2012 - 01h27Por G1
Novo presidente paraguaio anuncia tratamento especial a brasiguaios

Os agricultores brasileiros com terras no Paraguai comemoraram a decisão do Senado de afastar o presidente Fernando Lugo. No domingo (24), um grupo se reuniu na sede do consulado brasileiro para pedir que a presidente Dilma Rousseff reconheça o novo governo paraguaio.

O encontro com o embaixador Flávio Antônio Bonzanini reuniu agricultores brasileiros de várias regiões do Paraguai. Essa foi a primeira manifestação pública dos chamados brasiguaios logo após o impeachment do ex-presidente Fernando Lugo, na sexta-feira (22). Segundo o grupo de imigrantes, o governo não deixa boas lembranças. “Ele era uma pessoa que dava total apoio e total liberdade a grupos de invasores. Nós não tínhamos tranquilidade para trabalhar”, diz o agricultor Áureo Frigueto. Fernando Lugo é acusado pela comissão de conivência com as invasões de terra no país vizinho.

Os principais conflitos aconteceram em Santa Rosa del Monda, em Acunday e na região de Santa Rita, habitada principalmente por brasileiros. A comissão quer que o resultado da reunião chegue ao conhecimento da presidente Dilma Rousseff e que o governo brasileiro reconheça a transição presidencial no Paraguai.

Eles acreditam que a posse do presidente Federico Franco possa acabar com o período de incertezas e que o diálogo entre os agricultores brasileiros e o governo paraguaio possa ser bem mais pacífico. Uma das primeiras providências do novo presidente paraguaio Federico Franco ao assumir o poder foi anunciar um tratamento especial aos brasiguaios, que respondem por cerca de 90% da produção e exportação de soja do país.