Menu
Busca terça, 23 de abril de 2024
Busca
(67) 3345-4200
Campo Grande
Previsão do tempo
24º
BOI GORDO

Mercado atacadista mantém preços da arroba firmes em várias praças

O atacado de boi gordo espera a chegada dos Dias dos Pais onde a tendência de curto prazo ainda remete a alta das cotações

03 agosto 2022 - 07h33Por Canal Rural

O mercado físico de boi gordo registrou mais uma vez preços pouco alterados nesta terça-feira (02). De acordo com o analista de Safras & Mercado Fernando Henrique Iglesias, algumas unidades frigoríficas ainda estão ausentes da compra de gado, avaliando as melhores estratégias para aquisição de boiadas no curto prazo.

A entrada de animais a termo segue como um trunfo importante de determinadas indústrias, mantendo uma posição confortável nas escalas de abate. “A demanda de carne bovina durante a primeira quinzena de agosto será um fator importante que pode levar a alta dos preços, considerando que além da entrada dos salários na economia haverá também o repique de consumo relacionado ao Dia dos Pais”, diz Iglesias.

Dessa maneira, em São Paulo (SP), a referência para a arroba do boi permaneceu em R$ 314. Já em Dourados (MS), os preços também não tiveram alterações e ficaram em R$ 289. Ao mesmo tempo, em Cuiabá (MT) a arroba de boi gordo teve segunda queda seguida e teve preço de R$ 284. Simultaneamente, em Uberaba (MG), os preços ainda são de R$ 290.

Finalmente, em Goiânia (GO), os preços do boi também se mantiveram e ficaram em R$ 290 a arroba. Por outro lado, o mercado atacadista do boi gordo continua a apresentar preços firmes. A tendência de curto prazo ainda remete a alta das cotações em linha com a expectativa de boa demanda durante a primeira quinzena do mês. 

A entrada da massa salarial e o Dia dos Pais estimulam a reposição entre atacado e varejo, destaca Iglesias. Dessa maneira, o quarto dianteiro do boi fechou com preço de R$ 16,20. Já a ponta de agulha também teve preço igual e ficou cotada a R$ 16,10. Por fim, o quarto traseiro do boi mantém-se em R$ 21,90 por quilo.