Menu
Busca sexta, 18 de setembro de 2020
Busca
(67) 3345-4200
Campo Grande
36ºmax
21ºmin
Notícias

'Guerra dos portos' tira R$ 80 bilhões da indústria

04 março 2012 - 20h46Por Folha Online

 A indústria brasileira deixou de movimentar R$ 80 bilhões em 2011 com a "guerra dos portos", um dos capítulos da guerra fiscal travada pelos Estados brasileiros.

Portos de Estados que oferecem incentivos fiscais se tornaram porta de entrada privilegiada para bens importados, cuja condição permite disputar, com vantagens, o mercado nacional.

Na semana passada, um grupo de associações industriais --capitaneadas pela Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo)-- lançou uma campanha para barrar o uso do ICMS como estímulo à importação em alguns portos, sejam litorâneos, sejam interioranos.

Os alvos da indústria são dez Estados da Federação: Santa Catarina, Paraná, Espírito Santo, Mato Grosso do Sul, Goiás, Tocantins, Sergipe, Alagoas, Pernambuco e Maranhão.

A indústria nacional afirma que os programas estaduais de atração de investimentos criaram brechas para o avanço da importação de bens manufaturados, que recebem incentivo para disputar com itens similares produzidos em outros Estados.