Menu
Busca terça, 22 de setembro de 2020
Busca
(67) 3345-4200
Campo Grande
27ºmax
18ºmin
ExpoMS

Produtores ganham novo prazo para a entrega de milho

04 setembro 2009 - 00h00Por Sato Comunicação
Produtores ganham novo prazo para a entrega de milho

No fim do ano passado, o Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, com a intervenção da Conab, criou o Prêmio de Risco para Contratos Privados de Opção de Venda – Prop, que viabiliza o preço mínimo para os produtores rurais. Neste ano, a entrega do milho aos armazéns da Companhia Nacional de Abastecimento foi prorrogada de 30 de agosto para 30 de setembro.

O Prop garante o fornecimento de milho em grãos para avicultores, suinocultores e bovinocultores. Para ter este benefício, o arrematante tem que efetuar a compra diretamente de agricultores ou cooperativas rurais, pelo preço de exercício fixado pelo Governo.

“Com a seca na época de plantio e a chuva no mês de agosto, atrasou a produção e a colheita, muitos produtores não conseguiram entregar seus produtos”, conta o assessor de Agricultura da FAMASUL, Lucas Galvan. Das 713 toneladas de milho previstas para a entrega, somente 180 foram transportadas à Conab.

Nesta quinta-feira (3), em Brasília, o deputado federal Waldemir Moka, do PMDB, e a secretária de Produção do Estado, Tereza Cristina Correa da Costa, reuniram-se com o presidente da Conab e conseguiram a prorrogação do prazo. Representantes da FAMASUL procuraram o deputado e o Governo Estadual para pedir apoio.

Este último, por sua vez, comprometeu-se em priorizar a manutenção de estradas de escoamento, afim de que as cargas cheguem a tempo até os armazéns. O deputado Moka explica que, para os produtores seria um prejuízo ainda maior não entregar seus produtos, pois além de perderem a garantia do preço mínimo, sofrem as conseqüências da estiagem.