Menu
Busca terça, 09 de agosto de 2022
Busca
(67) 3345-4200
Campo Grande
21ºmax
17ºmin
SOJA

Sem referencial de Chicago, preços estabilizam no Brasil

Feriado nos Estados Unidos e leve alta do dólar freou negociações ao longo do dia

05 julho 2022 - 07h56Por Canal Rural

Sem a referência de Chicago por conta do feriado nos Estados Unidos (Dia da Independência), o mercado brasileiro de soja teve um dia morto em termos de negócios. Os preços pouco se alteraram, diante da ausência de negociadores. O dólar encerrou o dia em leve alta, sem impacto na formação das cotações domésticas.

– Passo Fundo (RS): a saca de 60 quilos subiu de R$ 188,00 para R$ 188,50

– Região das Missões: a cotação seguiu em R$ 186,50

– Porto de Rio Grande: o preço estabilizou em R$ 193,50

– Cascavel (PR): o preço permaneceu em R$ 186,00 a saca

– Porto de Paranaguá (PR): a saca ficou em R$ 192,50

– Rondonópolis (MT): a saca seguiu em R$ 172,00

– Dourados (MS): a cotação permaneceu em R$ 177,00

– Rio Verde (GO): a saca passou de R$ estabilizou em R$ 172,50

Soja em Chicago

Não houve sessão na Bolsa de Chicago nesta segunda devido ao feriado nacional dos Estados Unidos. O dólar comercial encerrou a sessão em alta de 0,05%, sendo negociado a R$ 5,3250 para venda e a R$ 5,3230 para compra. Durante o dia, a moeda norte-americana oscilou entre a mínima de R$ 5,2880 e a máxima de R$ 5,3340.