Menu
Busca quinta, 06 de agosto de 2020
Busca
(67) 99826-0686
São Paulo
39ºmax
24ºmin
Notícias

Nota de Repúdio

As entidades vêm a público manifestar repúdio aos episódios que denotam corrupção

24 setembro 2010 - 18h51Por com informações O Estado
Nota de Repúdio

 As entidades subscritas vêm a público manifestar repúdio aos episódios que denotam corrupção envolvendo representantes dos três Poderes constituídos do Estado de Mato Grosso do Sul  - Executivo, Legislativo e Judiciário – e o Ministério Público Estadual, suspeitos de receber repasses financeiros indevidos  da Assembléia Legislativa. A gravidade dos fatos exige medidas urgentes para restabelecer a credibilidade e reconquistar a confiança da população nas instituições.

Em gravações feitas com autorização da Polícia Federal,  em junho passado, o deputado estadual Ary Rigo (PSDB), 1º Secretário da Mesa Diretora da Assembléia, diz que repassava todos os meses R$ 2 milhões ao governador André Pucinnelli (PMDB), R$900 mil para os desembargadores do Tribunal de Justiça e R$300 MIL  ao Ministério Público Estadual.

Exigimos ampla apuração dos fatos, com o imediato afastamento das autoridades colocadas sob suspeição para que não interfiram nas investigações, e a punição exemplar dos envolvidos.

Conclamamos toda a sociedade a participar de um grande ato em repúdio a corrupção e para reiterar nosso respeito e confiança na democracia, que acontecerá nesta segunda-feira, dia 27, a partir das 9 horas, na Praça Ary Coelho, em Campo Grande.

A Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul) junto com outras entidades assinam esta nota.