Menu
Busca quinta, 13 de agosto de 2020
Busca
(67) 99826-0686
Campo Grande
34ºmax
20ºmin
Notícias

Grupo chinês quer investir em agropecuária e silvicultura

23 outubro 2009 - 00h00Por MS Notícias

Nanchang (China) – O Wangs Group Co. estuda a possibilidade de investir no Brasil capital chinês que chegaria até a 1 bilhão de dólares, no prazo de 10 anos, em agropecuária, madeira e indústria de produtos primários. Foi esta a notícia que o empresário WangLun deu ao governador André Puccinelli, durante reunião de trabalho organizada pelo governo da província de JiangXi, em sua Capital, Nanchang.


O governo do Estado e a empresa JiangXi Sanhe International Investment definiram a assinatura de um protocolo de intenções para dar continuidade ao projeto de desenvolvimento rural proposto pelos empreendedores.


A idéia é ocupar cerca de 10 mil hectares com plantio principalmente de milho e soja; criação de animais para corte, especialmente suínos, ovinos e aves; plantio de florestas para extração de madeira; e indústria de beneficiamento de produtos primários, especialmente de produção e tratamento de mel, atraindo novas tecnologias chinesas de produção.


A Sanhe faria o investimento internacional no território de Mato Grosso do Sul, visando produzir carne, grãos e outros alimentos, atraindo investidores e tecnologia para incrementar o projeto, gerando desenvolvimento e novos empregos no Estado. Caberá ao governo do Estado, dentro dos princípios da legislação estadual, apoiar, oferecer subsídios, incentivos fiscais, infraestrutura, apoio técnico, logístico e de serviços públicos para atender as demandas geradas pelo projeto.


Essa proposta acontece um dia antes de ser assinada a declaração de Estados Irmãos, entre Mato Grosso do Sul - Brasil e JiangXi - China que prevê a cooperação e o intercâmbio entre os dois Estados visando o desenvolvimento econômico e social comuns.


Recepção com honras
O governo da província de JiangXi recebeu o governador André Puccinelli, o presidente da Assembleia Legislativa, Jerson Domingos e comitiva com honras na chegada, na capital Nanchang, uma cidade com 2 milhões de habitantes. JiangXi tem 40 milhões de habitantes e uma forte indústria siderúrgica, de equipamentos agrícolas e componentes para geração de energia, solar e por fontes termelétricas.
o fim do dia, o governo da província recebeu o governador e comitiva para reforçar o compromisso de intercâmbio cultural, social e político entre as comunidades dos dois Estados. Sun Gang, o vice-governador que já esteve em Campo Grande, assinalou que a relação com Mato Grosso do Sul vai dar bons frutos.


Nesta sexta-feira, acontece no salão de eventos do Hotel JiangXi, o Simpósio entre líderes políticos e empresariais dos dois Estados, seguindo-se a assinatura do protocolo que declara Mato Grosso do Sul e JiangXi Estados Irmãos. No período da tarde, o governador visita a primeira das unidades fabris da agenda, a unidade da Jiangling Motors.