Menu
Busca sábado, 28 de novembro de 2020
Busca
(67) 3345-4200
Campo Grande
36ºmax
23ºmin
Notícias

Fenasucro debate futuro do etanol no Brasil e no mundo

01 setembro 2010 - 00h00Por Agrolink

Fórum de Abertura da Fenasucro 2010, realizado nesta segunda-feira (30-08) em Sertãozinho, discutiu visões estratégicas para o futuro do etanol brasileiro no mercado interno e externo. Pesquisadores e empresários do setor destacaram a necessidade de investimentos em logística, pesquisa, produção e ajustes do mercado, sempre pautadas pela sustentabilidade.

O presidente da Copercana, Antonio Eduardo Tonielo, afirmou que a retomada do setor no primeiro semestre de 2010 apresenta um cenário mais positivo para os empresários. Já o presidente do Conselho de Administração da Cosan e da Fenasucro, Rubens Ometto Silveira Mello apontou que um dos desafios é a padronização da incidência de impostos sobre o etanol em todos os estados brasileiros para evitar a sonegação e estimular a competividade.

A Fenasucro O segmento sucroalcooleiro ganha destaque na região a partir desta terça-feira (31), com a realização da XVIII Fenasucro - Feira Internacional da Indústria Sucroalcooleira e VIII Agrocana - Feira de Negócios e Tecnologia da Agricultura da Cana-de-Açúcar. As feiras foram abertas à visitação do público em geral ontem de manhã, e continuam até o dia 03 de setembro, no Centro de Esposições Zanini, em Sertãozinho. O destaque no 1º dia de feira fica, sem dúvida, por conta da presença do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Ele chegou nesta manhã no Aeroporto Leite Lopes em Ribeirão Preto, e seguiu direto para Sertãozinho. A Agrocana e Fenasucro são focadas em negócios, e reúne fabricantes de equipamentos e produtos, além de serviços para a agroindústria da cana.

No evento será possível conhecer, de perto, a cadeia de produção que envolve toda a cultura da cana: preparo do solo, industrialização e aproveitamento dos derivados da cana-de-açúcar. A organização espera receber, durante os quatro dias, mais de 30 mil visitantes, entre técnicos, profissionais e autoridades do setor. O público poderá fazer contato com as novidades em serviços, produtos e tecnologias apresentadas pelos 450 expositores. As feiras são promovidas pela Multiplus Feiras e Eventos e realizadas pelo Ceise Br (Centro Nacional das Indústrias do Setor Sucroalcooleiro e Energético) e Sindicato Rural de Sertãzinho.