Menu
Busca sexta, 30 de outubro de 2020
Busca
(67) 3345-4200
Campo Grande
24ºmax
18ºmin
Notícias

Chilenos já estão em MS para vistas técnicas a fazendas

27 outubro 2009 - 00h00Por Campo Grande News

A missão chilena que vai avaliar o sistema pecuário de Mato Grosso do Sul já está desde domingo (25) à noite em Campo Grande e na manhã de ontem (26) participou de apresentação técnica na Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal), onde foram apresentadas as ações de controle sanitário desenvolvidas pelo órgão no Estado.

Retomar as exportações ao Chile é um dos principais objetivos do governo, diante dos bons preços pagos pela carne bovina. Para isso será preciso convencer os técnicos de que o sistema produtivo cumpre as rigorosas exigências sanitárias daquele País.


Hoje (27), os chilenos visitam propriedades rurais e postos de fiscalização em Nova Andradina, de manhã e de tarde vão a propriedades rurais de Dourados.

Na quarta-feira de manhã haverá visita à agência da Iagro e propriedades rurais de Naviraí e no período da tarde os técnicos visitam o escritório da Iagro e propriedades rurais de Amambaí.

A programação de quinta-feira contempla visita ao escritório da Iagro e propriedades rurais de Aral Moreira, de manhã e de tarde os técnicos seguem para Ponta Porã onde permanecem até sexta-feira e depois seguem para o Tocantins.

Segundo a secretária de Produção, Tereza Cristina Correa da Costa, em novembro uma nova missão chilena virá, desta vez para avaliar os frigoríficos.

Também chegam nesta segunda-feira duas outras missões: uma da China e outra dos Estados Unidos. Os chineses vão amanhã para Mundo Novo, para conhecer a Zona de Alta Vigilância e permanecem até quarta-feira. De lá seguem para o Paraná.

Já os americanos têm como foco a produção de aves. Eles vão visitar granja, abatedouro e o escritório da Iagro, em Campo Grande, nesta terça-feira. Na quarta-feira visitam pequenas propriedades de Corumbá e na quinta-feira vão ao posto da fronteira com a Bolívia, voltando a Campo Grande. Na sexta-feira vão à agência central da Iagro, na Capital e depois seguem para Santa Catarina.