Menu
Busca sexta, 23 de outubro de 2020
Busca
(67) 3345-4200
Campo Grande
33ºmax
22ºmin
Notícias

Ave inteira é a que mais se valoriza na exportação de carne de frango

30 setembro 2009 - 00h00Por Avisite

A análise dos dados compilados pela ABEF junto à SECEX/MDIC revela que ao deflagrar um recuo generalizado nos preços dos vários tipos de carne de frango exportados pelo Brasil, a crise econômica mundial afetou, sobretudo, as cotações dos cortes de frango, cujo preço recuou (dados de agosto último) 26,6% em relação ao mesmo mês do ano passado. Em oposição, o produto menos afetado foi a carne de frango salgada, com queda de preço inferior a 5% no período analisado.


Curiosamente, porém, quando analisados os mesmos preços em um período mais longo (24 meses), a carne salgada foi a única a apresentar evolução negativa – de exatos 2%. Assim, comparativamente aos valores recebidos em agosto de 2007, os cortes de frango ficaram praticamente estáveis, com aumento de 1,1%. Já os industrializados aumentaram 8,7%, enquanto o frango inteiro registra variação positiva de 29,3%.


Além da significativa melhora no preço médio, o frango inteiro registrou também, em relação a agosto de 2007, aumento de praticamente 9% no volume embarcado, enquanto os cortes de frango registram recuo de 14% no período.