Menu
Busca quinta, 16 de setembro de 2021
Busca
(67) 3345-4200
Campo Grande
32ºmax
21ºmin
Notícias

Avanço da chuva faz preço da soja cair

03 outubro 2017 - 15h19Por Canal Rural
Avanço da chuva faz preço da soja cair

Os preços da soja oscilaram entre estáveis e mais baixos nesta segunda, acompanhando a queda conjunta do dólar e das cotações futuras em Chicago. Em termos de negócios, o mercado esteve parado. Os produtores aproveitaram a chuva do final de semana para focar atenções no plantio, que deve apresentar bom avanço, principalmente no Centro-oeste.

Os contratos futuros negociados na Bolsa de Mercadorias de Chicago (CBOT) fecharam com preços mais baixos. Após a boa alta da sexta, estimulada pela indicação de estoques trimestrais menores que os esperados nos Estados Unidos, o mercado iniciou a semana corrigindo tecnicamente, com os investidores aproveitando para realizar lucros.

O avanço da colheita nos Estados Unidos e o retorno das chuvas no Brasil, viabilizando o início do plantio, favoreceram fundamentalmente a queda de hoje nas cotações. Nem mesmo a sinalização de demanda firme pela soja americana conteve as perdas da primeira sessão de outubro.

Milho

A Bolsa de Mercadorias de Chicago (CBOT) para o milho registrou preços mais baixos. O mercado acentuou as perdas em meio à alta do dólar frente a outras moedas correntes e à queda forte os preços do petróleo, diante do indicativo de oferta.

O mercado também avaliou o desempenho das inspeções de exportação norte-americana de milho, que chegaram a 782.346 toneladas na semana encerrada no dia 28 de setembro, conforme relatório semanal divulgado pelo Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA). Houve queda na comparação com o ano passado.

Dólar e Ibovespa

O dólar comercial fechou a negociação em queda de 0,41%, cotado a R$ 3,153 para compra e a R$ 3,155 para venda. Durante o dia, a moeda norte-americana oscilou entre a mínima de R$ 3,153 e a máxima de R$ 3,180.

O Ibovespa encerrou com alta de 0,09%, aos 74359,83 pontos. O volume negociado foi de R$ 7,215 bilhões.