Menu
Busca quinta, 24 de setembro de 2020
Busca
(67) 3345-4200
Campo Grande
34ºmax
20ºmin
Notícias

Alta da arroba do boi gordo em 2010 consegue superar expressiva elevação dos custos

15 fevereiro 2011 - 10h33Por Globo Rural

O Custo Operacional Total (COT) e o Custo Operacional Efetivo (COE) da pecuária de corte subiram expressivamente no acumulado de 2010 (de janeiro a dezembro), conforme pesquisa realizada pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), da Esalq/USP, em parceria com a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA). Considerando-se a média Brasil (Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Rondônia, Rio Grande do Sul, Minas Gerais, Paraná, Tocantins e São Paulo), o COT teve aumento de 20,9% e o COT, de 21,9%.

Essa foi uma das maiores altas já verificadas para um ano. Se observada a série de custos do Cepea, iniciada em 2004, a alta do COT em 2010 só foi menor que a de 2008.

Apesar desse cenário, os preços da arroba subiram ainda mais: 40,4% no acumulado do ano. De modo geral, 2010 surpreendeu todos os agentes do setor pecuário, com os preços da arroba e da carne atingindo patamares recordes, em termos reais.

Conforme dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), de janeiro a setembro do ano passado, o volume de abate foi maior que o do mesmo período de 2009. Assim, apesar de a percepção de agentes de mercado ter sido de oferta enxuta ao longo de todo o ano, constata-se que a força motriz do mercado foi mesmo a demanda, sobretudo a do brasileiro.