Menu
Busca terça, 20 de outubro de 2020
Busca
(67) 3345-4200
Campo Grande
30ºmax
21ºmin
Expogrande 2010

Expogrande deve movimentar 15% a mais que em 2009, prevê Maia

25 fevereiro 2010 - 00h00

O presidente da Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul), Francisco Maia, disse esperar que este ano a Expogrande supere a edição anterior em até 15% no volume de negócios e de visitantes. Em janeiro, foi realizado o pré-lançamento da 72ª Expogrande - que acontece de 18 a 28 de março.

Na ocasião, ele lembrou da importância que a produção de alimentos no Brasil tem para o mundo e usou isso para justificar a internacionalização da feira em 2010. Ele ainda citou os números da exposição no ano passado, que chegou a ter mais de 350 mil visitantes e fechou mais de R$ 100 milhões em negócios. “Isso mostra a grandeza do agronegócio do Brasil.

Dia 1º de março é o lançamento oficial.

Na presença de dois senadores, Marisa Serrano (PSDB) e Valter Pereira (PMDB); e três deputados federais, Vander Loubet (PT), Dagoberto Nogueira (PDT) e Antonio Carlos Biffi (PT), Maia pediu empenho dos parlamentares em trazer o presidente Luiz Inácio Lula da Silva para fazer parte da cerimônia de abertura da Expogrande.

O deputado Vander Loubet disse que é muito importante a mobilização de todos para a realização da Expogrande, pois ela é uma referência para o setor no Brasil. E pediu a união de todos para trazer Lula. E lembrou-se do ex-governador Zeca do PT para juntar-se a essa tarefa. “Até porque, os dois são amigos”, argumentou.

O vice-prefeito de Campo Grande, Edil Albuquerque (PMDB), que veio representando o prefeito Nelson Trad Filho (PMDB), disse que é muito grande sua expectativa quanto ao evento este ano. “Essa será uma das feiras mais interessantes de todos os tempos”, prevê. A secretária Tereza Cristina Corrêa da Costa Dias (Produção e Turismo) parabenizou o presidente da Acrissul pela iniciativa de internacionalizar a Expogrande. E, lembrando da lida do produtor -que sempre tem a expectativa de uma safra melhor do que a anterior-, disse que em 2010 espera uma feira ainda maior.

A senadora Marisa Serrano, que não é ligada ao meio rural e é uma parlamentar de oposição, aproveitou para defender os motivos pelos quais ela estava presente ao pré-lançamento. “Não é uma questão de partido. É uma questão de cidadania, de amor, porque esse é o setor que mais gera riqueza neste país. E eu tenho orgulho de fazer parte da Comissão de Agricultura do Senado”, disse.

Ao usar a palavra, o senador Valter Pereira ressaltou que, logo no primeiro ano à frente da Acrissul, Maia já começa com inovações e lembrou da realização da 1ª Expo MS.

Convidados

Também estiveram presentes ao pré-lançamento o presidente da Câmara Municipal de Campo Grande, Paulo Siufi (PMDB); o vereador da capital Paulo Pedra (PDT); a consulesa do Paraguai em Mato Grosso do Sul, Elisa Rolón; o cônsul geral da Bolívia, Enrique Garrón Ruiz. Representando os demais segmentos do setor rural vieram: José Lemos Monteiro, presidente do Sindicato Rural de Campo Grande; Oliveira Nantes Coelho, presidente do Movimento Nacional dos Produtores e Eduardo Correa Riedel, vice-presidente da Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul.