Menu
Busca segunda, 03 de agosto de 2020
Busca
(67) 99826-0686
Campo Grande
31ºmax
18ºmin
Pecuária

Santander lança seguros pecuários que cobre roubo de animais

06 maio 2010 - 00h00Por Assessorias de imprensa Santander.

Santander lança seguros pecuários para rebanhos e para animais em separadoO Santander acaba de lançar dois tipos de seguros pecuários. Os produtos serão comercializados em todo o Brasil e contemplam riscos como acidentes, doenças, partos, abortos, vacinações, ataques, envenenamentos, incêndios, asfixia e abates com determinação médica.

A opção Elite é destinada a animais de reprodução por monta natural, transferência de embriões, Fertilização In Vitro e coleta. A contratação, com vigência de um ano, pode ser feita para cada animal separadamente. Fazem parte do escopo as raças zebuínas e taurinas com aptidão para carne ou para leite. O Límite Máximo de Indenização (LMI) é de R$100 mil. Valores acima deste limite serão tratados com consulta prévia.

Já o seguro Rebanho é destinado a consumo, produção, cria, recria e engorda. Essa modalidade cobre rebanhos a partir de 50 animais com aptidão para carne ou para leite. O LMI é definido de acordo com as variáveis idade e preço da região.

“Essa segunda opção tem uma característica que é inédita no Brasil: a cobertura contra roubo de animais. Identificamos que era uma demanda sem nenhum produto que a atendesse no mercado e desse jeito esperamos apoiar os pecuaristas”, diz Walmir Segatto, superintendente de Agronegócios do Santander.

Para que a cobertura de roubo seja contratada, é preciso os animais fiquem a no mínimo três quilômetros de distância de rodovias asfaltadas; que a propriedade possua porteira e controle de acesso; e que os pastos e piquetes sejam delimitados fisicamente por cercas ou equivalentes.

O preço do seguro varia conforme o perfil de cada cliente e rebanho. Para contratar o produto, basta o cliente procurar seu gerente nas agências do Santander ou Real e solicitar uma cotação para a Mesa Agro.