Menu
Busca segunda, 28 de setembro de 2020
Busca
(67) 3345-4200
Campo Grande
34ºmax
24ºmin
Notícias

União Europeia verifica rastreabilidade em Mato Grosso

21 março 2011 - 14h42Por Só notícias
 União Europeia verifica rastreabilidade em Mato Grosso

Uma missão da União Europeia (UE) chega a Mato Grosso, esta semana, para verificar in loco a rastreabilidade do rebanho bovino. A equipe de veterinários, com representantes da UE, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), da superintendência estadual e do Instituto de Defesa Agropecuária (Indea-MT) vai percorrer fazendas para verificar se as regras da rastreabilidade (Sisbov) estão sendo cumpridas. Por medida estratégica, o roteiro não é divulgado, mas há informação de que o grupo estará no Médio Norte.

De acordo com o Indea, Mato Grosso possui 483 propriedades no Sisbov e cerca de 400 já habilitadas a exportar carne bovina in natura à União Européia. No país, segundo dados do Ministério da Agricultura, são mais de 1,8 mil estabelecimentos rurais aprovados Sisbov. O interesse em atender esse mercado deve-se a remuneração.

Para o setor produtivo, trata-se de um momento de expectativa. A vinda da missão faz parte do processo de mercado estabelecido entre os países. Os pecuaristas que estiverem cumprindo todas as exigências deverão manter as exportações. A União Européia é o principal mercado importador do produto mato-grossense. Em dezembro de 2008, Mato Grosso passou a ser habilitado para exportar carne ao bloco econômico, no entanto, para ter autorização para embarcar é necessário ser estabelecimento rural aprovado Sisbov, ser aprovado na auditoria do Mapa e estar na lista da UE.