Menu
Busca sábado, 26 de setembro de 2020
Busca
(67) 3345-4200
Campo Grande
37ºmax
24ºmin
Notícias

Levantamento de preços de insumos será realizado em 22 municípios de Mato Grosso do Sul

11 julho 2012 - 20h25Por Assessoria

Para apontar o preço médio dos insumos e seu impacto no custo da produção agropecuária em Mato Grosso do Sul, a Federação de Agricultura e Pecuária (Famasul) visita, a partir dessa semana, os estabelecimentos comerciais de 22 municípios. A iniciativa faz parte do projeto Indicadores Econômicos que irá apontar, entre outros dados, o Produto Interno Bruto (PIB) por cadeia produtiva, Índice de Inflação e Valor Bruto de Produção (VBP) das principais commodities do Estado. O projeto é desenvolvido pela Famasul e Associação dos Produtores de Soja de MS (Aprosoja), e conta com parceria do governo do Estado e Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS).

Durante julho e agosto, representantes da Famasul e dos sindicatos rurais de 22 cidades vão apresentar o projeto para os estabelecimentos. As cadeias produtivas contempladas são de bovinocultura de corte, leite, cana de açúcar, soja, milho e silvicultura. “O levantamento junto aos estabelecimentos agropecuários será feito mensalmente e assim podemos analisar de forma precisa e pontual o impacto do preço dos insumos no agronegócio”, explica Adriana Mascarenhas, economista e assessora técnica da Famasul.

Uma das metodologias adotadas pelo projeto Indicadores Econômicos é a formação da Matriz Insumo Produto (MIP), que vai levantar, além do preço dos insumos, dados como taxas de câmbio, impostos, valor de mão de obra, entre outros. “São informações que vão facilitar a analise geral do impacto de cada setor no desenvolvimento das regiões. O resultado dos estudos irá nortear as decisões de investimento por parte dos produtores e a adoção de políticas públicas mais assertivas”, complementa Adriana.