Menu
Busca sábado, 15 de junho de 2024
Busca
(67) 3345-4200
Campo Grande
Previsão do tempo
30º
Engorda

Intenção de confinamento em Mato Grosso cresce 30,57% em 2024

A perspectiva de aumento na engorda intensiva se deve à redução nos custos da diária confinada, destaca o Imea

22 maio 2024 - 15h40Por Portal DBO
Intenção de confinamento em Mato Grosso cresce 30,57% em 2024

Os confinadores de Mato Grosso podem levar para os cochos 724,90 mil cabeças este ano, um aumento de 30,57% sobre o resultado consolidado de 2023 (555,18 mil cabeças), conforme o 1º levantamento das intenções de confinamento no Estado, realizado pelo Instituto Mato-Grossense de Economia. Agropecuária (Imea).

Dos confinadores entrevistados, 74,14% decidiram realizar a atividade ao longo de 2024.

“Essa alta (de 30,6%) se deve à redução nos custos da diária confinada, que fechou abril/24 em R$ 12,21/cab/dia (operacional + alimentar), menor custo nos últimos três anos nos levantamentos realizados em abril”, justifica o Imea.

A queda nos gastos da engorda, continua o Imea, foi influenciada, principalmente, pela maior desvalorização nos preços do milho em relação ao boi gordo, fortalecendo a relação de troca do pecuarista.

Segundo o Imea, outro item que se tornou atrativo para os confinadores foi a retração do custo na aquisição de animais, uma vez que o ágio da arroba do boi magro sobre a arroba do boi gordo ficou em 7,60%, menor patamar dos últimos dez anos para o período.

No entanto, observa o Imea, a baixa lucratividade e o preço do boi gordo ainda são as principais preocupações entre os entrevistados.