Menu
Busca sexta, 30 de outubro de 2020
Busca
(67) 3345-4200
Campo Grande
24ºmax
18ºmin
Notícias

Governo assina convênio liberando recursos para projeto de recuperação do Rio Taquari

12 janeiro 2010 - 00h00Por Governo do Estado

O governador em exercício, Murilo Zauith, assinou hoje (12), pela manhã, uma declaração de contrapartida para celebração do convênio do projeto “Plano de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos para a Sub-bacia do Rio Taquari”.

O convênio estabelece a contrapartida de R$ 56.402,70 com recursos do Estado e R$ 325.457,00 com recursos da União. Murilo Zauith destacou a importância do convênio para a preservação do meio ambiente. “Há anos estamos vendo a morte do rio Taquari. O Governo está tomando atitudes efetivas e concretas para recuperar a degradação do Taquari, através de projetos como esse, de gestão de resíduos sólidos. Faz parte da política do Governo valorizar e preservar o meio ambiente e a vida” afirmou Murilo.
 
A declaração de contrapartida assinada hoje, em parceria com a Agência Nacional de Águas e a Caixa Econômica Federal, faz parte das ações que envolvem cinco grandes projetos para a recuperação do rio Taquari, que somam o valor de R$ 5 milhões, e abordam os seguintes temas: Plano de resíduos sólidos da Bacia do Taquari, Fomento à criação do Comitê da Bacia Hidrográfica do Taquari, Viveiros de germinação de mudas nativas e frutíferas para a Bacia do Taquari, Recuperação de áreas degradadas da Sub-Bacia do Taquari e Capacitação de técnicos e produtores rurais da Bacia do Taquari.
 
Para cada projeto, já aprovados pelo Governo Federal, o governo do Estado está colaborando com a contrapartida de 10%. Segundo o gerente de desenvolvimento do Imasul (Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul), Roberto Gonçalves, estes projetos vão trazer benefícios para as comunidades que vivem no Rio Taquari e para o próprio rio. “Estamos contemplando ações para o médio e baixo Taquari nos projetos, que vão beneficiar também as comunidades que vivem na região pantaneira do Taquari” afirmou o gerente.  A proposta do projeto de Viveiros de Mudas é revitalizar um viveiro já existente em São Gabriel do Oeste e construir outros em Pedro Gomes, Coxim e Sonora.