Menu
Busca quarta, 30 de setembro de 2020
Busca
(67) 3345-4200
Campo Grande
40ºmax
23ºmin
Notícias

Exportações de carne de frango sobem 80% em Mato Grosso do Sul

16 setembro 2013 - 16h03Por Agrolink
Exportações de carne de frango sobem 80% em Mato Grosso do Sul
A demanda internacional pela carne de frango sul-mato-grossense está aquecida. Exemplo disto é que em agosto deste ano, os embarques internacionais do produto atingiram 13,7 mil toneladas no Estado, com alta de 80% em relação ao mesmo período do ano passado, quando as vendas somaram 7,6 mil toneladas. 

Os dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex), disponibilizados no Informativo Casa Rural elaborado pela equipe técnica da Federação de Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul - FAMASUL, mostram que as vendas do Estado obtiveram melhor desempenho que o cenário nacional, uma vez que as exportações brasileiras verificaram, no mesmo comparativo, incremento de apenas 6,84%, saindo de 284,5 mil toneladas para 304 mil toneladas.

Para a assessora técnica do Sistema FAMASUL, Adriana Mascarenhas, a elevação nas negociações internacionais de Mato Grosso do Sul é fruto da depreciação do real frente o dólar. "As indústrias frigoríficas de MS exportam grande parte da sua produção e, por conta disso, a atual variação cambial tornou o nosso produto mais competitivo. Além disso, muito recentemente, mais uma indústria foi habilitada a exportar para o mercado chinês, um importador em potencial", enfatiza Adriana. O principal comprador da carne de frango de MS foi a Arábia Saudita, que respondeu por 23,5% do total exportado, o equivalente a 3,2 mil toneladas.

No mercado interno, o preço do frango abatido começou o mês de setembro com forte valorização de 8,6% em relação ao mês anterior, passando de R$ 3,59 para R$ 3,90 o quilo, com aumento de R$ 0,40 o quilo, ocasionado pela redução na oferta do produto. Para Adriana,  o ganho registrado não representa necessariamente que o produtor foi beneficiado. "O incremento do valor da ave abatida não significa que o setor está em recuperação, até porque os custos de produção não apresentam sinais de diminuição", afirma. 

Ainda, segundo dados do Informativo Casa Rural, as exportações de carne suína caíram 16%, totalizando 832 toneladas. Em sentido contrário, os embarques de carne bovina  somaram 11,9 mil toneladas, 24,5% a mais que em relação ao mesmo período do ano anterior.

o Informativo Casa Rural Pecuária é elaborado pela Unidade Técnica do Sistema FAMASUL. O objetivo da publicação é fornecer ao produtor rural informações precisas e atualizadas sobre o andamento do setor em Mato Grosso do Sul. O estudo está disponível para consulta e download através do endereço eletrônico:http://famasul.com.br/public/area-produtor/1790-informativo-pecuaria-setembro-2-edicao.pdf