Menu
Busca quinta, 22 de outubro de 2020
Busca
(67) 3345-4200
Campo Grande
33ºmax
22ºmin
Notícias

Embrapa abre a Dinapec em Mato Grosso do Sul

07 abril 2010 - 00h00Por Embrapa Gado de Corte.

Durante o discurso de abertura, o governador ressaltou a importância do trabalho da Embrapa para o desenvolvimento da agropecuária brasileira, em especial, para Mato Grosso do Sul. “A Embrapa é uma empresa de ponta que orgulha a todos nós brasileiros pela qualidade e excelência dos técnicos que possui”. Ele destacou que os avanços tecnológicos na agropecuária sulmatogrossense devem-se muito à parceria com a instituição.

O chefe-geral da Embrapa Gado de Corte, Rafael Alves, enfatizou a importância do evento ao longo dos últimos cinco anos, lembrando o objetivo principal da Dinapec de transferir tecnologias para produtores rurais, estudantes e técnicos em diversos sistemas de produção. “Para serem validadas, as tecnologias geradas pela Empresa devem ser incorporadas ao campo. A Dinapec é um dos instrumentos eficientes utilizados para repassar esses conhecimentos aos usuários”, afirmou.

Para a diretora executiva da Embrapa, a Dinapec é um exemplo de interação entre a classe produtora e a pesquisa. “Este evento revigora a transferência de tecnologia com sua atuação integrada vindo a fortalecer esses setores”, disse.

Atividades técnicas

A Dinapec segue até o dia 9 de abril com entrada franca. Para esta quarta-feira, a partir das 14 horas, estão previstas as palestras: “Balde Cheio”, pela Embrapa Pecuária Sudeste e “Boas Práticas Agropecuárias”, pela Embrapa Gado de Corte. Na quinta-feira e sexta-feira, das 9 horas às 12 horas e das 14 às 17 horas, o visitante pode participar de minicursos e dos roteiros tecnológicos fixos ou montar seu próprio roteiro na dinâmica de acordo com o assunto de seu interesse.

Onze grandes temas fazem parte dos roteiros tecnológicos; integração Lavoura-Pecuária, sistema Agrosilvipastoril, Agroenergia, pastagens, novas variedades de sorgo, soja e feijão, melhoramento genético animal, nutrição animal, ovinos e eqüinos.

Os minicursos oferecidos pela Embrapa são de interpretação de análise de solo, regulagem de plantadeira e qualidade da semente, rastreabilidade e a zootecnia de precisão, confinamento e semi-confinamento, mercado de carnes e futuro para proteção de preços e como planejar o cruzamento de bovinos de corte. Para os minicursos, o interessado deve, de preferência, fazer sua inscrição com antecedência e pagar uma taxa de 30 reais. Informações detalhadas estão no endereço eletrônico www.cnpgc.embrapa.br

A 5ª Dinapec é realizada pela Embrapa, que conta com a participação de sete Unidades de Pesquisa: Embrapa Gado de Corte,  Agropecuária Oeste, Pantanal, Pecuária Sudeste, Arroz e Feijão, Milho e Sorgo e Caprinos e Ovinos.