Menu
Busca domingo, 20 de setembro de 2020
Busca
(67) 3345-4200
Campo Grande
27ºmax
19ºmin
Notícias

Dourados produz 5 mil toneladas de peixe este ano

28 junho 2011 - 12h20Por Dourados Agora

A grande Dourados vai produzir 5 mil toneladas de peixe este ano. A expectativa é da Cooperativa de Aquicultores de Mato Grosso do Sul. De acordo com Maurício Xavier Cury, diretor da entidade, o mercado de peixe está em plena expansão econômica. Segundo ele, a produção nos últimos anos já é 10 vezes maior do que na década de 90, quando as primeiras atividades do ramo iniciaram no município. Atualmente, gera uma média de R$ 30 milhões ao ano para a economia da Grande Dourados. O assunto ganha repercussão esta semana, quando se comemora o Dia do Pescador.

De acordo com Maurício, apesar do desenvolvimento da atividade econômica, ainda existem desafios para a categoria. O principal destes é inserir os pequenos produtores no processo de evolução vivido pelos grandes aquicultores. “Hoje, as grandes empresas compram o produto que é comercializado dos super produtores. Aqueles de menor potencial vão ficando para trás”, explica.

A grande expectativa é de que com a instalação do Frigorífico do Peixe, nos próximos meses, o mercado de venda se-ja ampliado aos pequenos produtores, que hoje estariam desanimados em produzir devido a falta de compradores. Segun-do Cury, com a venda em Dourados o volume de produção tende a dobrar. A cooperativa conta com 43 membros e através da parceria foi possível viabilizar várias vantagens ao produtor. São caminhões de transporte do peixe vivo, veículos e equipamentos para assistência técnica, entre outros recursos disponí-veis a preços que cabem no orçamento do produtor.

Segundo ele, as tecnologias disponíveis no mercado garantem hoje menor potencial de risco de perdas na piscicultura. Ele afirma que os preços dos insumos não estão fora dos padrões dos últimos anos, o que é fator positivo para o produtor.

A maior parte do que é produzido em Dourados é encaminhado para o estado de São Paulo.

FRIGORÍFICO

O entreposto de peixes é esperado há vários anos pelos piscicultores de Dourados e região. O empreendimento terá capacidade de processar cinco toneladas de pescado por dia e o peixe sairá pronto para comercialização nos supermerca-dos. Todo projeto é custeado pelo Ministério da Pesca e Aquicultura, em parceria com a Prefeitura de Dourados.

Além aumentar a produção de pescado em Dourados, o frigorífico deve gerar em torno de 1.500 empregos diretos e indiretos. Os operários já começaram a levantar o prédio que está sendo construído numa área de 3,5 hectares localizada na BR-163, no trevo de acesso a Fátima do Sul.