Menu
Busca segunda, 01 de março de 2021
Busca
(67) 3345-4200
Campo Grande
33ºmax
21ºmin
Notícias

Deu no Correio do Estado: Acrissul pede redução de tributos em reunião com o governador

01 junho 2017 - 14h09Por Correio do Estado

A Associação de Criadores de Mato Grosso do Sul (Acrissul) solicitou a redução de tributos ao governo do Estado. O assunto foi tratado em reunião realizada ontem, na sede da associação, que contou com a participação do governador Reinaldo Azambuja (PSDB) e do secretário de Governo, Eduardo Riedel. Azambuja, assim como dois ex-governadores (André Puccinelli e Zeca do PT), foi citado em esquema de troca de propina por incentivos fiscais pela JBS e, recentemente, em outra denúncia de cobrança de propina de empresários, donos de unidades frigoríficas e fábricas de couro.

Conforme o presidente da Acrissul, Jonatan Barbosa, a reunião teve como principal objetivo discutir as denúncias recentes apresentadas em delação premiada de Joesley e Wesley Batista, donos da JBS, e possíveis propostas para reverter os impactos gerados no mercado. “O governador Reinaldo Azambuja pôde se explicar e também responder aos questionamentos dos conselheiros e membros da diretoria”.

Após ouvir as explicações do governador, a categoria apresentou dois pedidos, que deverão ser entregues em formato de requerimento. Em um deles, a classe produtora solicitará a suspensão temporária, por 60 ou 90 dias, do Fundo de Desenvolvimento do Sistema Rodoviário de Mato Grosso do Sul (Fundersul). Já o outro pedido é que se reduza a alíquota do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) para comercialização do gado em pé para estados vizinhos. “Esses dois requerimentos visam ajudar o produtor rural até que essa turbulência se acalme. Seria o caso de o governo ceder um pouco para que, no caso do ICMS, possamos sair das mãos da JBS”, disse Barbosa.