Menu
Busca sábado, 31 de outubro de 2020
Busca
(67) 3345-4200
Campo Grande
26ºmax
18ºmin
Notícias

Câmara Setorial da Soja discute preço mínimo para próxima safra

13 outubro 2009 - 00h00Por MAPA | Assessoria de Imprensa

Um dia depois do anúncio da primeira projeção da safra de grãos para o ciclo 2009/2010 pelo ministro da Agricultura, Reinhold Stephanes, os integrantes da Câmara Setorial da Cadeia da Soja discutiram o preço mínimo da cultura e apresentaram estudos com base nos últimos três meses.

Eles analisaram os levantamentos da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) e projetaram o preço de mercado, que hoje é de R$ 22,80 por saca, de acordo com os custos de produção. Os dados mostram que o menor valor constatado a cada 50sc/ha foi em Barreiras/BA (R$ 20,59) e o mais alto em Balsas/MA (R$ 28,41). Diante disso, Câmara vai sugerir ao governo federal que a média do preço mínimo fique em R$ 24,58 a saca da soja.

PAC - Ainda na reunião da Câmara Setorial da Soja, o diretor do Departamento de Infraestrutura e Logística do Ministério da Agricultura (Diel/Mapa), Biramar Nunes, apresentou um quadro com a evolução das obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), para melhorar o escoamento da produção no País. O destaque ficou para as obras das rodovias BR-163 (Cuiabá/MT a Santarém/PA), BR-158 (Camarata/MT) e BR 242 (MT). A conclusão de um trecho de 213 km, do total de 420 km, da BR 158 está prevista para dezembro de 2010. "Com essas obras, a produção daquela região será exportada pelos portos do Norte do País e, não mais pelo porto de Santos/SP, o que contribui para aumentar os custos," ressaltou o diretor de Infraestrutura do Mapa.