Menu
Busca sábado, 16 de outubro de 2021
Busca
(67) 3345-4200
Campo Grande
26ºmax
20ºmin
MEIO AMBIENTE

Bombeiros resgatam ribeirinhos e mantém combate e monitoramento aos incêndios no Pantanal

A Operação Hefesto concentra os esforços combatendo um incêndio de grandes proporções que surgiu na noite de domingo na Baía Tuiuiú, a Oeste de Corumbá

28 setembro 2021 - 12h11Por Da Redação

Com os focos de calor praticamente debelados nas regiões da Escola Jatobazinho, que margeia o Rio Paraguai, no Paraguai-Mirim e na Fazenda Santa Teresa (fronteira com a Bolívia), a Operação Hefesto concentra os esforços ontem (27) combatendo um incêndio de grandes proporções que surgiu na noite de domingo na Baía Tuiuiú, a Oeste de Corumbá.

Nesta localidade, o Corpo de Bombeiros resgatou várias pessoas ribeirinhas, entre crianças e adultos, e também animais de estimação (cães e gatos), devido ao risco de a comunidade ser atingida pelo fogo, que se alastrava por conta dos fortes ventos (velocidade estimada em 70 km/h). As casas foram preservadas em um combate com muita fumaça e fuligem.

O comandante da Operação Hefesto, tenente-coronel Vandner Valdivino Meirelles, informou que a ventania jogou as labaredas para a outra margem do Rio Paraguai, a uma distância de 260m. Na manhã desta segunda-feira foram deslocadas três equipes para a baía com 15 bombeiros, de barco, com o objetivo de debelar as chamas que se espalham com os ventos fortes.

Focos controlados

O comando da Operação Hefesto, que completa 85 dias com base montada em Corumbá, informou que foi desmobilizada a guarnição (sete bombeiros) que se encontrava na Escola Jatobazinho, que abriga crianças ribeirinhas em regime de internato, após o controle de um incêndio que ameaçou atingir a propriedade. A escola fica localizada próxima à Serra do Amolar.

“A escola forneceu toda a estrutura para os bombeiros cumprirem sua missão, cedendo alojamento, refeitório e outras instalações”, disse o comandante Meirelles, relatando que a tenente Sabrinne Azambuja, que coordenou a ação, deixou uma carta à diretoria e funcionários da escola agradecendo o apoio aos bombeiros em nome da guarnição.

Na Fazenda Santa Teresa, foi realizado reconhecimento da área queimada, na manhã de ontem, e constatado que a situação está sob controle. Nove bombeiros monitoram a área, onde ocorreu forte ventania. Também estão sendo monitorados focos na região do Morro Santa Cruz, no distrito de Maria Coelho, que integra o maciço do Morro Urucum.