Menu
Busca quinta, 25 de abril de 2024
Busca
(67) 3345-4200
Campo Grande
Previsão do tempo
28º
PAÍS EM GUERRA

Anexação de "novos territórios" podem ampliar produção de grãos da Rússia

Expectativa do governo russo é incremento de 5 milhões de toneladas

06 outubro 2022 - 12h23Por Canal Rural

A colheita de grãos da Rússia deve crescer cerca de 5 milhões de toneladas por ano. A expectativa por parte do governo russo foi divulgada nesta semana pelo ministro da Agricultura, Dmitry Patrushev. De acordo com ele, a elevação se dará graças à incorporação de quatro territórios ucranianos.

“Considerando a terra arável que existe lá, acredito que pelo menos 5 milhões de toneladas de grãos serão adicionadas à caixa de poupança russa”, afirmou Patrushev. Nesse sentido, ele acredita que outras ações no meio rural serão impulsionadas. “Também penso que vamos conseguir outras culturas”, disse.

O governo russo confirmou que o presidente Vladimir Putin assinou leis para anexar quatro regiões que, aos olhos da ONU e do reconhecimento da maioria dos países, ainda pertencem à Ucrânia: Donetsk, Lugansk, Kherson e Zaporizhzhia. Juntas, essas áreas representam 18% do território ucraniano, informa a agência Reuters.

Além da produção agrícola, como a parte de grãos, as regiões agora contestadas pela Rússia são responsáveis pelo acesso da Ucrânia ao Mar de Azove (ao norte do Mar Negro). É nessa área que está localizado, por exemplo, o Porto de Mariupol, importante ponto para o escoamento da produção do leste europeu.

Antes da guerra com a Rússia, deflagrada em fevereiro deste ano, a Ucrânia chegava a embarcar mais de 6 milhões de toneladas de grãos por mês para o exterior. Desde a retomada das exportações, mediante acordo liderado pela ONU em julho, o país enviou cerca de 5,3 milhões de toneladas.