Menu
Busca terça, 22 de junho de 2021
Busca
(67) 3345-4200
Campo Grande
28ºmax
16ºmin
Notícias

1ª Expoequestre começa com Clínica de Ranch Sorting

19 outubro 2017 - 15h02Por Luciana Petelinkar – Assessoria de Imprensa Acrissul
1ª Expoequestre começa com Clínica de Ranch Sorting

Dando início as atividades da 1ª Expoequestre realizada pela Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul (Acrissul), nesta sexta-feira (20) acontece durante todo o dia a Clínica de Ranch Sorting.

Ministrada por Alex Saleta, proprietário da Ranch Sorting National Championships Brazil (RSNC BRAZIL), a clínica começará às 8h no auditório da Acrissul com o histórico do esporte; regras e regulamentos; infraestrutura; estratégias de prova; sistemas; julgamento; além de um painel mostrando como está o esporte hoje nos Estados Unidos e no Brasil.

“Vamos situar e contextualizar os participantes dos principais pontos do Ranch Sorting, fazendo uma apresentação detalhada e com todos os detalhes necessários para os participantes. Vamos mostrar além de regras básicas, estratégias e apontar com vídeos e imagens para uma melhor interpretação”, explica Saleta.

Na parte da tarde, a partir das 13h30, a clínica será totalmente prática. Os participantes poderão colocar na prática toda a abordagem teórica da manhã na pista de Ranch Sorting do Parque de Exposições Laucídio Coelho.

“Teremos dois treinadores auxiliando os participantes. Vamos mostrar o como fazer, mostrar a modalidade, dar informações importantes, além de dar dicas de treinamento de cavalo. É uma etapa importante para fixar tudo que foi aprendido durante a manhã”, fala Alex Saleta.

Segundo ele, o Ranch Sorting está evoluindo muito em grandes campeonatos brasileiros. “Eu tenho viajado por todo o Brasil apresentando a modalidade que vem ganhando cada vez mais adeptos. Posso falar que teve um salto de 60% de participação nos campeonatos”, afirma.

Sobre raças de cavalos que podem participar, Alex faz questão de informar que qualquer raça é bem-vinda. “Existem raças de cavalos que têm mais aptidão vaqueira, mas nada impede de todas as raças participarem”, finaliza Saleta.