Menu
Busca quinta, 29 de outubro de 2020
Busca
(67) 3345-4200
Campo Grande
24ºmax
19ºmin
ExpoMS

Expo MS apresenta nova câmara setorial da horticultura

04 outubro 2009 - 00h00Por Com informações da Assessoria de Imprensa da Seprotur

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Agrário, da Produção, da Indústria, do Comércio e do Turismo (Seprotur), amplia a abrangência da antiga câmara setorial de fruticultura e institui a Câmara Setorial Consultiva de Horticultura, que está sendo apresentada pela primeira vez na Expo MS 2009, que ocorre até o dia 12 de outubro na Capital.

 

De acordo com as diretrizes da nova Câmara, ela atuará na floricultura (cultura de flores); fruticultura (cultura de fruteiras ou de frutas); jardinocultura (cultura de plantas ornamentais); olericultura (cultura de hortaliças); viveicultura (cultura de mudas em geral); cultura de plantas medicinais, plantas condimentares e cogumelos comestíveis, com competência para identificação das demandas locais, analise de propostas e projetos estratégicos para o setor.

 

Segundo a secretária-executiva do câmara, Gisele Garcia de Sousa, o órgão propõe soluções econômicas, normativas e técnicas que viabilizem a produção, comercialização e industrialização racional dos produtos vegetais no Estado. Ele revela que estes estudos, devem subsidiar o Governo estadual na formulação de políticas públicas para o fomento da horticultura.

 

Este é um avanço, e esperamos implementar e fortalecer políticas que propiciem um crescimento expressivo destes setores que compõe a horticultura, salientou, lembrando que em outros estados, como no Ceará, o ritmo de crescimento do setor chegou a 700% em apenas 5 anos, e hoje, consolidou a região como importante exportador brasileiro. A produção de flores cresce em todo o País, e tem grande potencial exportador, comenta.

 

Gisele explica ainda que também caberá a nova entidade concentrar, integrar e coordenar as ações das pessoas e dos entes públicos ou privados interessados, para o fim de buscar e reciprocamente ofertar soluções para os problemas relacionados com a horticultura, solidificando parcerias já existentes e propondo a formação de novas iniciativa econômicas, produtivas, técnicas ou de pesquisas, no interesse do desenvolvimento dos setores. Este é o desafio que teremos pela frente, mas contamos com a mobilização de nosso colegiado e apoio do governo do Estado, conclui.

 

Expo MS

 

A primeira edição da Expo MS, primeira feira de Mato Grosso do Sul que une toda a cadeia produtiva em um só lugar, é uma realização da Acrissul e acontece de 2 a 12 de outubro, no Parque de Exposições Laucídio Coelho. Diferente das feiras já realizadas no Estado, além da pecuária, traz em evidência diversas atividades agropecuária e indústrias, além de instituições governamentais, privadas e de classe. Na programação, estão a realização de palestras, cursos, leilões e atividades em defesa e preservação do meio ambiente, mostrando iniciativas produtivas de baixo impacto sócio-ambiental, e grande sustentabilidade, como a pecuária orgânica.