Menu
Busca domingo, 27 de setembro de 2020
Busca
(67) 3345-4200
Campo Grande
39ºmax
25ºmin
Expogrande

Produção de carne e sustentabilidade é tema de palestra a tarde na Expogrande

15 abril 2013 - 12h45
Produção de carne e sustentabilidade é tema de palestra a tarde na Expogrande

No dia 15 (segunda-feira), às 15h30, no Auditório da Acrissul o engenheiro agrônomo da UCDB, Dr. Olivier Francois Vilpoux ministrará a palestra: Produção de Carne e Sustentabilidade: Ameaças e Oportunidades. O objetivo é a abordagem da sustentabilidade da cadeia de carne e não apenas a produção. A Expogrande é promovida pela Acrissul de 11 a 21 de abril.

 
No evento serão abordados aspectos ligados a produção da carne, transformação, mercado e consumo, nacional e internacional, com as principais tendências nos próximos anos.
A produção de carne representa apenas 15% das calorias usadas na alimentação humana, mas utiliza 33% das culturas para alimentação animal e ocupa aproximadamente 80% das terras utilizadas mundialmente na agropecuária, afirma Dr. Olivier.
 
Segundo ele, em um contexto de necessidade crescente de alimentos e de bioenergia, na falta de novas terras, o consumo de proteínas animais é cada vez mais questionado. “Esse questionamento é ainda mais importante para a produção de gado, produção com baixa conversão energética”, disse.
Dr. Olivier salientou também que o consumidor é cada vez mais preocupado com aspectos ambientais, o que aumenta ainda mais a pressão sobre os custos e limite a área disponível para produção. “Esses questionamentos deverão influenciar diretamente a vida dos produtores de gado do Estado, principalmente a partir dos seguintes elementos: aumento do custo da terra; pressão de cultivos energéticos, como cana e eucalipto e necessidade de maior eficiência, com pressões sobre os custos e os preços”, avaliou.

Caminhos para a produção com sustentabilidade
A produção com sustentabilidade passa pela equação dos problemas: produzir com maior respeito ao meio ambiente carne com preços menores a partir de insumos cada vez mais caros.
 
Apesar de parecer difícil, Dr. Olivier diz que equacionar esses problemas será cada vez mais importante e passa pelo melhoramento genético, com melhoria na eficiência produtiva, eficiência muitas vezes ligada à escala de produção.
No caso de pequenos produtores, a competição pelos preços vai ser cada vez mais difícil, por isso a necessidade de encontrar nichos de mercado.
 
Ameaças
As principais ameaças são para a produção da carne com sustentabilidade são: limitação do espaço mundial para ampliação da produção, concorrência de culturas alimentícias e energéticas, mudanças climáticas, aumento do custo dos insumos, pressão sobre os preços finais, com consumidores cada vez mais exigentes, riscos da produção em grande escala em região com grande densidade populacional: gripe aviaria e suína, bem como, produtos alternativos.
No caso do Brasil, as ameaças para a cadeia em nível mundial podem se transformar em oportunidades em razão de grande disponibilidade de terras, potencial para melhoria da eficiência produtiva, com melhor eficiência no uso das pastagens, crescimento do mercado nacional e internacional e maior profissionalização dos atores (produtores, frigoríficos,...).
 
SERVIÇO:
A palestra é gratuita. Mais informações pelo telefone (67) 3345-4219 ou pelo site www.acrissul.com.br