Menu
Busca quinta, 06 de agosto de 2020
Busca
(67) 99826-0686
Campo Grande
31ºmax
18ºmin
Expogrande

Maia convida Puccinelli para abertura da Expogrande

23 fevereiro 2010 - 18h21Por Jefferson da Luz - Via Livre Comunicação

Na manhã de hoje (23/02), o presidente da Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul), Francisco Maia, foi recebido pelo governador do Estado, André Puccinelli (PMDB), para entregar lhe oficialmente o convite para participar da cerimônia de abertura da 72ª Exgrande (18 a 28 de março), ocasião em que também estarão presentes o presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva, a ministra Dilma Rousseff (Casa-Civil), entre outras autoridades.

“Além de o convidarmos para a abertura oficial, que será no dia 19 de março, também acertamos a cerimônia de inauguração da sede da Iagro no Parque de Exposições Laucídio Coelho. Ainda tivemos a confirmação de que o governo ajudará na realização do evento com um patrocínio”, revelou Maia após a reunião. “Como em todas as outras vezes, tivemos um encontro agradável, com clima cordial e descontraído. E mais uma vez o governador ouviu e atendeu nosso pedido”, completou.

Maia ainda aproveitou a oportunidade para convidar Puccinelli para o evento de lançamento da Expogrande 2010, que será realizado na sede da entidade no dia 1º de março, próxima segunda-feira.

Segundo o presidente da Acrissul, o governador elogiou a iniciativa de internacionalizar a feira e convidar, além de Lula, os presidentes do Paraguai, Fernando Lugo e da Bolívia, Evo Morales.

A audiência também serviu para fazer um terceiro convite ao governador, para que ele participe do programa Caminhos da Produção, apresentando por Francisco Maia. “Ficou acertado que será antes da Expogrande. E, o nosso ilustre convidado vai falar sobre questões do agronegócio em Mato Grosso do Sul”, adiantou.             

Ao sair do gabinete do governador, em entrevista a imprensa, Maia explicou o porquê este ano a Expogrande será um evento internacional. “Estamos internacionalizando a feira. A nossa posição geográfica é determinante, somos vizinhos do Paraguai, da Bolívia, estamos bem posicionados no Mercosul [Mercado Comum Sul]. Esse intercâmbio, além de aumentar, a movimentação de negócios, também faz uma inserção muito grande de tecnologia. E Campo Grande, por vocação natural, é a capital do Mercosul”, explica.  

Acompanharam Maia à audiência os dirigentes da Acrissul Jonathan Pereira Barbosa (vice-presidente) e Cezar Machado (diretor).