Menu
Busca quinta, 24 de setembro de 2020
Busca
(67) 3345-4200
Campo Grande
34ºmax
20ºmin
Agricultura

Ministro da Agricultura libera R$ 3 bi para a safra de trigo no Sul do país

08 maio 2012 - 02h53Por G1

O ministro da Agricultura e do Abastecimento, Mendes Ribeiro Filho, anunciou na segunda-feira (07), em Curitiba, a liberação de R$ 3 bilhões para o financiamento de custeio e comercialização das culturas de inverno e um reajuste de 5% no preço mínimo do trigo.

Os três estados do Sul e o Mato Grosso do Sul poderão utilizar esses recursos ao longo da safra, de acordo com a demanda. Serão liberados R$ 430 milhões para a comercialização da safra deste ano para ajudar na compra de trigo em leilões, no Paraná, São Paulo, Rio Grande do Sul, Mato Grosso do Sul e Minas Gerais.

De acordo com a secretaria, os agricultores poderão vender melhor seu produto e garantir mais renda. Segundo o Departamento de Economia Rural (Deral), em 2012, o Paraná terá 785 mil hectares de trigo plantado, a menor área em 37 anos.

"A redução drástica foi causada pelo desestímulo ao produtor, que enfrenta sérios problemas de liquidez no período da comercialização e não consegue vender sua safra por causa da concorrência do produto argentino", diiz o secretário da Agricultura e do Abastecimento, Norberto Ortigara. Para o secretário, a redução na área plantada coloca em risco a política de apoio ao setor nos últimos 25 anos. "É uma grande opção ao agricultor no período do inverno.

O produtor tem uma alternativa para sair do binômio soja e milho e evitar o esgotamento do solo", explicou Ortigara. A estimativa da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) é que a produção de trigo no Brasil chegue a 5 milhões de toneladas, queda de 13 % em relação a safra passada.