Menu
Busca segunda, 20 de setembro de 2021
Busca
(67) 3345-4200
Campo Grande
38ºmax
26ºmin
Expogrande

“Semana Sou Senepol” durante a 79ª Expogrande reafirma expansão da raça no Estado

05 abril 2017 - 19h24Por Karla Silva - Assessoria de Imprensa 79ª Expogrande
“Semana Sou Senepol” durante a 79ª Expogrande reafirma expansão da raça no Estado

Com uma programação completa de leilões, competições, shows, simpósios e cursos, a 79ª Expogrande, apresenta nesta quarta-feira (05), no Auditório da Acrissul o curso da raça Senepol, promovido pela Associação Brasileira dos Criadores de Bovinos Senepol (ABCB). O objetivo é promover aos criadores da raça Senepol, bem como a comunidade de pecuaristas a oportunidade de conhecer a raça.

O curso conta a história do Senepol, suas virtudes, os benefícios para a pecuária, demonstra o processo de melhoramento genético recomendado para a raça, apresenta novas tecnologias na área de genômica, de melhoramento animal, como utilizar a ferramenta touro a campo para se fazer uma heterose em cima da vacada nelore, entre outros assuntos. “Além de todo esse conhecimento proporcionado, é uma grande oportunidade de interação entre criadores e pecuaristas”, ressalta o presidente da Associação, Pedro Crosara Gustin.

A raça Senepol foi formada em Saint Croix, no Caribe, chegando ao Brasil nos anos 2000 através de duas origens de importações: por Ariquemes (RO) na forma de animais vivos com as matrizes Nova Vida e Ganadera 63, e na forma de embriões importados de Grama, Santa Fé e Stéfani. Desde então, a raça vem crescendo. Hoje, no Brasil são 55.892 cabeças, o maior plantel mundial da raça Senepol. Mato Grosso do Sul aumentou sua criação em 28%, comparando-se aos anos de 2015/2016, e hoje ocupa a segunda posição com 18 mil cabeças de alta qualidade genética, ficando atrás somente de Minas Gerais. A Associação contabiliza um crescimento de 39% ao ano e espera-se que em 2017 o crescimento seja de 20%. Participam da Associação 525 criadores. Deste número, Mato Grosso do Sul ocupa a quarta posição com 53 sócios, precedido por Minas Gerias, São Paulo e Goiás.

Participando da Expogrande há aproximadamente dez anos, os últimos três foram de intensificação nessa participação, o que pode ser constatado pelo número de leilões realizados durante a Expogrande. Ao todo são quatro leilões de touros e doadoras da raça. Para Pedro Crosara, o resultado é muito satisfatório, “considerando que estamos em um mercado de recessão, com ciclo de baixa da pecuária, e ainda assim mantemos aqui quatro leilões com alta liquidez e preços atrativos. Isso nos mostra que há um reconhecimento do mercado e confiança de que a raça Senepol, pode ajudar a tirar o país da crise”, conclui.

Os animais apresentados na 79ª Expogrande são na sua maioria de criadores do estado e, apresentam como referência sua qualidade genética, seu elevado índice tecnológico e pioneirismo na criação da raça. “Mato Grosso do Sul exporta genética Senepol para o restante do Brasil. O estado está de parabéns, por isso a Associação está participando da Expogrande apoiando e sinalizando que esse é o caminho”, ressalta Pedro.

Falando em valores, os preços dos animais variam muito de acordo com sua qualidade genética. Os touros variam de R$ 12 mil a R$ 15 mil, preço na fazenda; em leilões, como são parcelados, o preço varia de R$ 13 mil a R$ 15 mil. As fêmeas variam de R$ 25 mil a R$ 40 mil, dependendo também de seu valor genético. Ao final dos quatro leilões espera-se fechar uma média nas fêmeas de R$ 25 mil a R$ 35 mil. Já o valor dos embriões, dependendo de sua qualidade genética, pode chegar a R$ 700,00 a R$ 1.500,00. A venda de sêmen no Brasil varia entre 236 mil a 250 mil doses por ano.

Segundo Pedro Crosara Gustin, as vantagens de criar a raça Senepol são muitas. Entre elas, a lucratividade. “O Senepol é politicamente correto. É um animal criado a campo, com redução do tempo de abate, redução de gás metano, é dócil e de grande interatividade com o ser humano, o manejo é fácil, o desmame é com uma arroba e meia a duas arrobas. Na venda desse bezerro, o criador tem um sobre preço de R$ 300,00 a R$ 500,00”, conclui.

Semana Sou Senepol

Realizada durante a 79ª Expogrande, a “Semana Sou Senepol” contempla os quatro leilões, o curso sobre a raça e lançamento do segundo livro sobre o Senepol: “Senepol, Feito no Brasil”, escrito pelo jornalista Daniel de Paula.

Lançado na noite de terça-feira (04), o livro relata a sequência da história contada no primeiro livro lançado em 2014, “Senepol, Feito para o Brasil” em que se contou a criação da raça em Saint Croix, no Caribe, sua difusão pelos Estados Unidos e a saga que foi a sua chegada ao Brasil no ano 2000. O segundo livro, mostra o que se tornou a raça no Brasil após a sua chegada.

79ª Expogrande


A Expogrande acontece até o dia 09 de abril no Parque de Exposições Laucídio Coelho, em Campo Grande (MS), e conta com extensa agenda de leilões, competições e palestras técnicas, além de shows e oportunidades facilitadas de negócios.

Domingo, segunda, terça e quarta-feira o visitante não paga para entrar durante todo o dia. Já na quinta, sexta-feira e sábado, a entrada é gratuita até as 16h. A partir das 18h já é cobrado o valor do ingresso.

Mais informações pelo telefone (67) 3345-4200.

Leia Também

Decreto revoga limitação de lotação em eventos, mas mantém Regime Especial de Prevenção
Coronavírus
Decreto revoga limitação de lotação em eventos, mas mantém Regime Especial de Prevenção
Mercado Externo
Arábia Saudita retoma importação de frigoríficos de MG após embargo de 10 dias
As compras haviam sido suspensas no dia 6, após a confirmação de um caso atípico do "mal da vaca louca" no Estado
Seca no rio Paraguai segue crítica e chuvas devem ser insuficientes na primavera
Meio Ambiente
Seca no rio Paraguai segue crítica e chuvas devem ser insuficientes na primavera
Expoagro: secretário Riedel e ministro do Turismo visitam feira em Dourados
Feiras & Eventos
Expoagro: secretário Riedel e ministro do Turismo visitam feira em Dourados