Notícias

Conab mantém previsão de safra recorde de grãos em MS

11 de novembro de 2013

O segundo levantamento da safra de grãos 2013/2014, que foi divulgado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), nesta sexta-feira (8), mantém a previsão feita na estimativa anterior de que Mato Grosso do Suldeverá ter uma produção recorde neste ciclo, a maior da história do estado.

 
O volume deve ficar entre 14,2 milhões de toneladas e 14,3 milhões de toneladas, o que deve representar um crescimento entre 2% a 3% frente as 13,9 milhões de toneladas colhidas pelos agricultores sul-mato-grossenses na safra 2012/2013.
 
Dessa produção, 53,68% deve vir do milho. Somando a colheita do cereal na safra de verão e na de inverno (safrinha), o estado deve produzir neste ciclo 7,7 milhões de toneladas. Aproximadamente 96,7% desse volume, o que representa 7,4 milhões de toneladas, deve vir da safrinha.
 
Apesar da estimativa apontar que o milho deverá continuar nesta safra sendo o principal produto agrícola do estado em volume, a produção deverá sofrer uma redução discreta, entre 1,5% e 1,7%, em relação ao ciclo anterior, quando os produtores de Mato Grosso do Sul colheram 7,8 milhões de toneladas do grão.
 
Quanto a soja, os números da Conab apontam que os agricultores do estado vão seguir a tendência que tem se repetido em âmbito nacional, a de investir mais na cultura em razão dos preços remuneradores do mercado nos últimos anos.
 
Em Mato Grosso do Sul, a área cultivada com a oleaginosa deve crescer entre 3% e 5%, passando de 2 milhões de hectares na safra passada para até 2,1 milhões de hectares neste ciclo e a produtividade, conforme a estimativa, aumentar 4,2%, subindo de 2.880 quilos por hectare para 3 mil quilos por hectare.
 
Com maior área cultivada e maior produtividade, a projeção é de um incremento entre 7,3% e 9,4% na produção de soja em Mato Grosso do Sul, que deve ficar entre 6,2 milhões de toneladas e 6,3 milhões de toneladas.

Fonte: Agrodebate
Voltar Imprimir
Deixar um comentário
Nome
Comentário
 

Notícias recentes

Caminhos do Produtor chama sociedade para movimento de caminhoneiros 25 de maio de 2018 O Programa Caminhos do Produtor, que vai ao ar hoje a partir das 22 horas pelo Canal 181 da NET aborda, entre outros assuntos, os reflexos do moviment...
"Não cabe ao Congresso definir preço de combustíveis", diz Eunício 25 de maio de 2018 O presidente do Senado, Eunício Oliveira, disse nesta sexta-feira (25) que não cabe ao Congresso definir preço de combustíveis. Evitando se posici...
Mesmo após acordo, caminhoneiros mantêm 37 pontos de interdição em MS 25 de maio de 2018 Mesmo após acordo com o governo federal, anunciado na noite de ontem (25), os caminhoneiros mantêm 37 pontos de interdição em rodovias federais de...
Na internet, caminhoneiros negam acordo com o governo 25 de maio de 2018 As propostas anunciadas pelo governo federal para tentar conter a manifestação dos caminhoneiros não foi recebida por unanimidade pela categoria. E...
Alta do petróleo encarece exportação de carne 25 de maio de 2018 A alta de preços do petróleo e o aumento de embarques para o Extremo Oriente, principalmente após o embargo russo às proteínas bovina e suína do...
Greve dos caminhoneiros dificulta logística do mercado do boi gordo 25 de maio de 2018 Com as dificuldades de logística, em geral, não há referência no mercado do boi gordo e as escalas pararam de avançar. A última alta do preço d...
ABPA: cadeia de aves e suínos está com 120 plantas frigoríficas paradas 25 de maio de 2018 A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) alerta para o descumprimento de uma promessa feita pelas lideranças dos caminhoneiros, na quarta...