Notícias

Prazo para fazer Cadastro Ambiental Rural deve começar em dezembro

11 de novembro de 2013
O prazo para todos os propriet√°rios de terras realizarem o seu Cadastro Ambiental Rural (CAR) deve come√ßar a valer em todo o pa√≠s a partir da primeira semana de dezembro, quando deve sair a regulamenta√ß√£o do cadastro e come√ßar a contar o prazo de um ano, renov√°vel por mais um, para que os produtores fa√ßam sua regulariza√ß√£o ambiental. No pa√≠s todos, mais de cinco milh√Ķes de im√≥veis rurais dever√£o fazer o cadastro. Em entrevista exclusiva ao Canal Rural, a ministra do Meio Ambiente Izabella Teixeira explicou tamb√©m como dever√° funcionar o Plano de Recupera√ß√£o de √Ārea Alterada ou Degradada (Prada).
 
Canal Rural: Quando será o lançamento nos Estados?
Izabella Teixeira: Nós estamos vivendo a parte de implantação do Sistema do Cadastro Ambiental Rural (Siscar). Nós desenvolvemos, consolidamos, testamos no país inteiro. Paralelamente começamos o processo de capacitação e cooperação com as entidades da agricultura, desde a CNA [Confederação Nacional da Agricultura (CNA) aos sem-terras, incluindo a Fetag, a Contag, todos foram envolvidos.
 
CR: Até o final ano a regulamentação estará pronta?
Izabella: Quem tem sistema próprio já está fazendo ou vai começar a fazer o cadastro e migrará para o sistema integrado. Quem não tem, nós estamos dando o Siscar. A implantação deste sistema Estado a Estado será concluída, no máximo, na primeira semana de dezembro. E aí começará a contar aquele prazo de um ano para os proprietários fazerem o cadastro, prorrogável por mais um ano.
 
CR: E como vai ficar o PRA?
Izabella: H√° dois tipos de situa√ß√£o, aqueles que t√™m floresta, que t√™m vegeta√ß√£o nativa, e aqueles que t√™m passivo a recuperar. N√≥s j√° temos visto situa√ß√Ķes em que o agricultor se surpreende porque n√£o sabia que tinha at√© mais √°rea nativa do que a lei manda ter. Aqueles que devem, que t√™m passivo, o sistema vai registrar e ele ter√° no sistema op√ß√Ķes que ele vai marcar sobre como quer recuperar. Essa informa√ß√£o vai para o √≥rg√£o ambiental, que vai pactuar como cada agricultor vai regenerar. Pode compensar comprando √°rea em outra propriedade, em unidade de conserva√ß√£o.. tudo isso ser√° objeto de regulamenta√ß√£o espec√≠fica.
 
Tem um calendário, em dezembro começa a contar prazos, se depender de mim a gente faz o regulamento federal ainda em dezembro, estamos trabalhando pra isso. E vamos ver como os Estados estão fazendo seus regulamentos específicos. Tem estado aprovando lei, tem Estado discutindo decretos com o governador, como a própria lei do Código Florestal estabelece.
 
CR: E quanto ao questionamento do Minist√©rio P√ļblico com rela√ß√£o √† validade do CAR?
Izabella: Questionamentos vamos sempre ter de todos os lados. Eventualmente, se houver questionamento nos tribunais superiores vamos resolver nessas inst√Ęncias. A aprova√ß√£o de uma lei como essa passa n√£o s√≥ pelo crivo do Congresso Nacional, incluindo a Comiss√£o de Constitui√ß√£o e Justi√ßa, como tamb√©m quando a presidente sanciona h√° uma consulta em todos os minist√©rios e na Advocacia Geral da Uni√£o. S√£o todas salvaguardas, ningu√©m aprova uma lei buscando a inconstitucionalidade. Questionamentos s√£o parte da democracia, do Estado de direito, s√£o leg√≠timos e ser√£o analisados. A Justi√ßa tem esse papel.
 
 

Fonte: Canal Rural
Voltar Imprimir
Deixar um coment√°rio
Nome
Coment√°rio
 

Notícias recentes

Venda de tratores de rodas cresce 39,6% em MS no primeiro quadrimestre de 2019 21 de maio de 2019 A venda no varejo de tratores de rodas cresceu 39,6% em Mato Grosso do Sul no primeiro quadrimestre de 2019 frente ao mesmo período de 2018, passando...
Manejo do palhiço no sul de Mato Grosso do Sul prejudica canavial 21 de maio de 2019 Pesquisa realizada pela Embrapa Agropecuária Oeste, na região sul do Mato Grosso do Sul comprovou que nessa região quanto menos manejo for feito co...
Caminhoneiros boiadeiros param no PA e afetam pecuária 21 de maio de 2019 A pecuária do Pará, mais especificamente no norte do Estado, se encontra em difícil situação, relata boletim desta tarde de terça-feira da Infor...
Exporta√ß√£o de l√°cteos da Argentina aumenta 9% no 1¬ļ trimestre, para 72,6 mil toneladas 21 de maio de 2019 A exporta√ß√£o de produtos l√°cteos argentinos aumentou 9% em volume no primeiro trimestre deste ano, em compara√ß√£o com igual intervalo do ano anter...
PIB do Agro cresce 0,07% em fevereiro, mas cai 0,46% no 1¬ļ bi 21 de maio de 2019 O PIB do agroneg√≥cio calculado pelo Centro de Estudos Avan√ßados em Economia Aplicada (Cepea) em parceria com a Confedera√ß√£o da Agricultura e Pecu√...
Calor durante o dia e frio no início da noite; sem previsão de chuva na maior parte de MS 21 de maio de 2019 O calor deve continuar nesta terça-feira (21). Uma massa de ar seco ganhou força sobre o Centro-Oeste e ainda atua na maioria das áreas . Mesmo com...
Custos de produção de suínos e de frangos de corte caem 2% em abril 21 de maio de 2019 Os custos de produção de suínos e de frangos de corte calculados pela CIAS, a Central de Inteligência de Aves e Suínos da Embrapa, caíram 2,16% ...