DIA 2 DE OUTUBRO, SEXTA-FEIRA - Geraldo Espíndola fecha a primeira noite de shows

02 de outubro de 2009

O cantor e compositor Geraldo Espíndola é considerado um dos mais importantes autores da moderna música popular brasileira de Mato Grosso do Sul e do país.

Sua carreira profissional na música começou aos 15 anos, quando cantava e tocava violão e guitarra numa banda com um nome no mínimo, diferente: Bizarros, Fetos e Pára-quedistas de Alfa Centauro, na qual tinha como companheiros Paulo Simões, James Dalpoggeto, Maurício Almeida, João Vaca-Louca e Mário Márcio.

Foi também nessa época que Geraldo compôs sua primeira canção, “A Flor do Meu Jardim”. Paralelamente, ele tinha, uma carreira solo, o que não o impediu de participar de outras bandas, como Lodo, LuzAzul e Tetê & O Lírio Selvagem, as duas últimas com vários de seus irmãos: Alzira Espíndola, Celito Espindola e Tetê Espíndola.

Sua carreira musical foi pautada pelos festivais de música, nos quais ganhou prestígio e notoriedade, graças às inspiradas canções com as quais saiu vencedor de alguns. Aos 41 anos em que está na estrada, Geraldo Espíndola teve canções gravadas por cantores e músicos de prestígio nacional, como: Almir Sater, Lecy Brandão, José Augusto e o grupo Raça Negra.

Por isso tudo, ele é mais que um compositor, músico e cantor de talento, mas uma lenda da música sul-mato-grossense e do Centro-Oeste. Na 1ª Expo MS ele fará segundo show da noite de abertura.