Notícias

Frete terá reajuste de 11% a 15% a partir de segunda-feira no País

17 de janeiro de 2020

O valor do piso mínimo do frete no Brasil terá um reajuste que varia de 11% a 15%, dependendo do tipo de carga e operação. A informação foi repassada hoje pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). Por meio de resolução, a agência estabeleceu as novas regras para cobrança do frete rodoviário. Entre elas, está a obrigação do pagamento do chamado frete retorno para os caminhoneiros.

Além disso, a resolução também prevê novos valores para cálculo do frete. Os custos de itens, como pneu e manutenção dos caminhões, também foram atualizados. As novas regras entram em vigor na próxima segunda-feira, 20.

O frete retorno, que era uma demanda dos caminhoneiros, é válido para aquelas situações em que a regulamentação do setor proíbe que o caminhoneiro retorne transportando um novo tipo de carga. Isso ocorre, por exemplo, com um caminhão que transporta combustível e não pode voltar com outro tipo de carga.
 
Também foi incluído no texto a cobrança do valor das diárias do caminhoneiro e um novo tipo de carga, a pressurizada. Agora, a regulamentação abrange um total de 12 categorias. Duas novas tabelas para contemplar a operação de carga de alto desempenho, que levam menor tempo de carga e descarga, também foram criadas na resolução.
 
A cada seis meses, os valores do piso mínimo do frete são atualizados pela ANTT. A tabela do frete foi criada em 2018 pelo ex-presidente Michel Temer, dentro do conjunto de ações para pôr fim a greve dos caminhoneiros.

Fonte: CGNews
Voltar Imprimir
Deixar um comentário
Nome
Comentário
 

Notícias recentes

Arroba do boi gordo reage no fim de março e analista descarta queda forte para abril 03 de abril de 2020 Março terminou com uma variação intensa no preço da arroba do boi, em especial diante das incertezas decorrentes da eclosão do coronavírus no Br...
JBS abre 3 mil vagas de emprego no Brasil em meio à crise do coronavírus 03 de abril de 2020 A JBS anunciou, no fim da tarde desta quinta-feira (2/4), a abertura de 3 mil vagas de emprego, entre postos de trabalho diretos e indiretos. As vagas...
Suínos: Preço do vivo e da carne caem com mais força no final de março 03 de abril de 2020 De acordo com pesquisas do Cepea, os preços do suíno vivo e da carne caíram com um pouco mais de força no encerramento de março. A pressão veio ...
Forte aumento nos embarques brasileiros de soja em grão em março 03 de abril de 2020 De acordo com Secretaria de Comércio Exterior (Secex), o Brasil exportou 11,64 milhões de toneladas de soja em grão em março deste ano. O vol...
Boi gordo: com o avanço das escalas, compradores diminuíram o ritmo 03 de abril de 2020 Na média das 32 praças pecuárias monitoradas pela Scot Consultoria, nos últimos sete dias, a cotação da arroba do boi gordo subiu 2,1%. Com...
Covid-19: Detran-MS prorroga prazo de licenciamento que venceria em abril 03 de abril de 2020 Proprietários de veículos com placas final 1 e 2, que precisariam quitar seu licenciamento no mês de abril, conforme calendário publicado no iníc...
Sexta de céu parcialmente nublado e máxima de 33°C em MS 03 de abril de 2020 A sexta-feira (3.4) será de tempo instável. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) indica céu nublado a parcialmente nublado com pancadas de ...


Foto: Divulgação
Frete retorno foi regulamentado pela ANTT na resolução publicada ontem