Notícias

Marfrig reverte prejuízo e tem lucro líquido de R$ 4,3 milhões

17 de maio de 2019

A Marfrig registrou lucro líquido de R$ 4,3 milhões no primeiro trimestre de 2019, ante prejuízo de R$ 201 milhões no mesmo período de 2018. O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado no período ficou em R$ 571 milhões, alta de 15,9% na comparação pró-forma com o primeiro trimestre de 2018. A margem Ebitda ajustado foi de 5,7%. Sem os ajustes, o Ebitda da Marfrig somou R$ 649 milhões no trimestre, mais de quatro vezes superior ao apurado um ano antes.

 
A receita líquida totalizou R$ 10,1 bilhões no trimestre, alta de 7,6% na comparação pró-forma ante os três primeiros meses do ano passado. O fluxo de caixa operacional ficou negativo em R$ 712 milhões entre janeiro e março; já o fluxo de caixa livre foi negativo em R$ 1,4 bilhão. O fluxo negativo afetou a alavancagem - relação entre dívida líquida e Ebitda ajustado -, que subiu para 2,76 vezes, ante 2,39 vezes no quarto trimestre de 2018.
 
De acordo com o vice-presidente de Finanças e de Relações com Investidores da empresa, Marco Spada, o fluxo foi afetado por uma mudança da empresa para priorizar mais as exportações - segundo ele, esse tipo de venda exige mais gastos, com procedimentos como aumento de estoques e congelamento.
 
"Começamos a ver um aumento gradativo, semana após semana, dos preços de carne no mercado externo", afirmou ele, justificando o aumento das vendas para o exterior. Com isso, as exportações devem responder, já no segundo trimestre, por cerca de 60% das vendas da companhia no Brasil, afirma Spada.
 
A operação América do Norte teve aumento de receita líquida de 1,2% no trimestre em relação ao mesmo período de 2018, para US$ 1,9 bilhão (ou R$ 7,1 bilhões) - crescimento impulsionado pelo aumento de 12% na receita de exportações. Já a receita líquida da operação América do Sul caiu 10,5% no período, para R$ 2,9 bilhões.

Fonte: Estadão Conteúdo
Voltar Imprimir
Deixar um comentário
Nome
Comentário
 

Notícias recentes

Meteorologia prevê calor acima dos 40°C para esta quinta-feira no Estado 19 de setembro de 2019 A influência de ventos do quadrante sul, provocou nebulosidade e leve queda nas temperaturas em grande parte de Mato Grosso do Sul nesta quarta-feira...
ILPF puxa produtividade pecuária e achata produtor menos tecnificado 19 de setembro de 2019 Os elevados índices de produtividade da pecuária em sistema de integração com lavoura e floresta, a ILPF, tendem a elevar a competitividade do set...
Pastos com menor capacidade de suporte geram lentidão no mercado de reposição 19 de setembro de 2019 A demanda está fria no mercado de reposição, o que justifica a lenta movimentação desta semana. Além da qualidade fraca dos pastos, os comprador...
Grupo de trabalho inicia atividades do Observatório da Agropecuária 19 de setembro de 2019 O grupo de trabalho criado para identificar os sistemas e bases de informações que vão fazer parte do Observatório da Agropecuária Brasileira ini...
Confinamento deve crescer para até 5,5 milhões de cabeças 19 de setembro de 2019 O Brasil deve confinar este ano entre 5,3 milhões e 5,5 milhões de bovinos, aumento de 4,5% a 8,5% ante 5,07 milhões de animais engordados no cocho...
Preço do boi gordo sobe em quatro praças 19 de setembro de 2019 Na última terça-feira (17/9), os preços do boi gordo subiram no Norte de Minas Gerais, na região de Três Lagoas-MS, no Oeste do Maranhão e no Su...
Kuwait abre mercado para mel do Brasil 19 de setembro de 2019 A ministra Tereza Cristina (Agricultura, Pecuária e Abastecimento) anunciou nesta quarta-feira (18) a abertura do mercado do Kuwait para o mel do Bra...