Notícias

Veja como foi o primeiro dia de agenda da comitiva brasileira na Ásia

10 de maio de 2019

A agenda oficial de compromissos da ministra da Agricultura Tereza Cristina e das associações do setor que a acompanham numa comitiva enviada à Ásia começou na quinta-feira (9/5) em Tóquio, no Japão, com uma visita a JICA (Japan International Cooperation Agency), entidade japonesa de cooperação internacional para o meio ambiente e desenvolvimento.

A relação da JICA com o Brasil vem de longa data, com incentivos à irrigação e ao cultivo de soja no cerrado. Um dos principais objetivos do encontro, que contou com a participação da CNA (Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil), foi estreitar as parcerias.
 
Depois do almoço, a comitiva seguiu para a Keindanre, a federação das indústrias do Japão, que reúne 1.376 empresas e 109 associações setoriais. Durante a reunião, foram discutidas oportunidades de negócios para o agronegócio brasileiro no Japão. “Constatamos que há potencial de exportações de uma série de produtos, como abacate e café”, diz Ligia Dutra, superintendente de relações internacionais da CNA, que participa da viagem. “Os japoneses estão colocando abacate até no sashimi. Está na moda”, disse ela, por telefone, à Globo Rural.
 
O aumento da produção da cadeia de pescados no Brasil também esteve em pauta. “Empresários e investidores japoneses demonstraram interesse em colaborar com o ganho de escala desse segmento”, diz Dutra. Os japoneses explicaram estratégias para o crescimento da produtividade de peixes e frutos do mar, como ostras, bastante consumidos no Japão. Apesar de ser um dos maiores produtores mundiais de ostras, o país importa o produto dos Estados Unidos e da Austrália para atender a alta demanda interna.
 
Segundo a CNA, também existe um forte interesse no Japão por cafés especiais. “Em Tóquio, há uma cafeteria em cada esquina”, diz Dutra. Nesta sexta (10/5), a CNA deverá participar de um encontro na cooperativa agrícola Zen-Noh e de um evento de degustação de cafés brasileiros na UCC Coffee Academy, em Tóquio.

Fonte: Globo Rural
Voltar Imprimir
Deixar um comentário
Nome
Comentário
 

Notícias recentes

FPA e Itamaraty montam força-tarefa para melhorar a imagem do agronegócio no exterior 18 de junho de 2019 Até março deste ano, as exportações brasileiras do agronegócio somaram US$ 8,64 bilhões. É indiscutível a importância do setor à economia br...
Efeito China: Minerva suspende férias coletivas na unidade de Barretos 18 de junho de 2019 A Minerva Foods, terceira maior companhia de carne bovina do Brasil, informou, em comunicado ao mercado, que, diante da retomada das exportações de ...
Boi gordo: mercado enxuto e comprador, diz a Scott 18 de junho de 2019  As programações de abate, de maneira geral, estão enxutas. O impacto disto tem sido indústrias ofertando preços maiores pelo boi gordo.&nbs...
Valor da Produção Agropecuária de R$ 600 bilhões deve ser o segundo maior da história 18 de junho de 2019 O Valor Bruto da Produção Agropecuária deste ano (VBP), estimado em R$ 600,93 bilhões, está próximo ao recorde alcançado em 2017, de R$ 604,16 ...
Bolsonaro e Tereza Cristina anunciam hoje o Plano Safra 18 de junho de 2019 A ministra Tereza Cristina (Agricultura, Pecuária e Abastecimento) vai lançar nesta terça-feira (18), às 11 horas, em cerimônia com a presença d...
Agropecuária manterá crescimento, acredita Tereza Cristina 18 de junho de 2019 A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, reconheceu, que a agropecuária não “carrega” a atividade econômica brasileira da mesma form...
Demanda melhora e mercado do boi ganha força 17 de junho de 2019 Após a confirmação da volta das exportações de carne bovina à China o mercado ganhou força.Apesar de sexta-feira ser um dia, normalmente, com b...


Foto: Divulgação | Mapa
Ministra Tereza Cristina e delegação brasileira com representantes da Federação das Indústrias do Japão (Keidanren)