Notícias

ANTT acaba com multas por descumprimento do frete mínimo

03 de maio de 2019

Agência Nacional dos Transportes Terrestres (ANTT) aprovou na terça-feira, 30, alteração na resolução nº 5.833, que diz respeito à chamada Tabela do Frete. Com a mudança, foram encerradas as multas aplicadas aos caminhoneiros que descumprirem a tabela ou denunciarem a empresa que não realizar o pagamento do valor mínimo do frete.

 
Segundo o voto do relator do processo, o diretor Marcelo Vinaud, foi verificada, junto à área de fiscalização da agência, a necessidade de revisar o artigo que trata das situações que constituem infrações, e que devem ser aplicadas multas.
 
"Uma vez que o desenho regulatório atual conduz à desmotivação por parte dos transportadores em realizar denúncias, na medida em que lhes são aplicadas punições idênticas àquelas aplicadas aos embarcadores, percebeu-se uma baixa efetividade na atividade de fiscalização", diz trecho do documento.
 
A ANTT afirma que a resolução era desmotivadora para que os motoristas denunciassem as empresas que estavam pagando o preço abaixo da tabela, uma vez que eles acabavam recebendo o mesmo tipo de punição aplicada às empresas embarcadoras.
 
Na semana passada, a agência publicou uma resolução com os valores atualizados da tabela do piso mínimo de frete. A variação do diesel foi de 10,69%, o que acarretou no reajuste médio de 4,13% nos preços mínimos de frete.
 
Frete Mínimo
Criada após a greve dos caminhoneiros, a Lei 13.703, de 2018, que instituiu a Política Nacional de Pisos Mínimos do Transporte Rodoviário de Cargas, prevê a aplicação de multas a quem descumpre a tabela, que variam conforme a distância a ser percorrida durante a viagem, tipo de veículo, entre outros aspectos. Os valores variam de R$ 550 a R$ 10.500, dependendo do tipo de enquadramento da infração.
 
Até o momento, foram lavrados cerca de 3 mil autos de infração.Junto à revisão dos valores do piso mínimo do transporte rodoviário de cargas, o fim das multas foi um dos acordos firmados entre o governo e os caminhoneiros, após uma reunião com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, no dia 22 de abril.

 


Fonte: Estadão Conteúdo
Voltar Imprimir
Deixar um comentário
Nome
Comentário
 

Notícias recentes

Garantia-Safra pagará R$ 25,2 milhões para cobrir perdas de agricultores familiares com a seca 18 de setembro de 2019 A portaria 4.315, publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira (17) pela Secretaria de Política Agrícola do Ministério da Agricultura,...
Boi gordo: cotações firmes no início da segunda quinzena 18 de setembro de 2019  A oferta de boiadas está restrita e, com isso, o mercado está firme. Segundo levantamento da Scot Consultoria, em São Paulo, na última segun...
Tereza Cristina debate oportunidades de negócios no Brasil com investidores sauditas 18 de setembro de 2019 No último dia da viagem à Arábia Saudita, a ministra Tereza Cristina (Agricultura, Pecuária e Abastecimento) iniciou a agenda de compromissos dest...
Alta da carne bovina sem osso no atacado 18 de setembro de 2019 Durante a segunda semana de setembro, a carne bovina sem osso teve alta no mercado atacadista, puxada, principalmente, pela oferta comedida de matéri...
Valor Bruto da Produção Agropecuária deve atingir R$ 601,9 bi em 2019 18 de setembro de 2019 O Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP) deve atingir R$ 601,9 bilhões este ano, com base nos dados de agosto. Esse valor é o segundo maior e...
Pressão de baixa no mercado de couro nacional 18 de setembro de 2019 O lento escoamento do produto não deixa espaço para que haja retomada de preços. O comum, são empresas realizando negócios abaixo da referência ...
Mapa fecha acordos para exportação de frutas, castanhas e derivados de ovos para Arábia Saudita 18 de setembro de 2019 Durante reunião com o CEO da Saudi Food and Drug Authority (SFDA) da Arábia Saudita, Hisham bin Saad Al Jadhey, a ministra Tereza Cristina (Agricult...


Foto: Divulgação | Ed. Globo
A variação do diesel foi de 10,69%, o que acarretou no reajuste médio de 4,13% nos preços mínimos de frete