Notícias

“Criação de ovinos tem crescido no Mato Grosso do Sul”, diz especialista

26 de março de 2010

Com a variação da arroba do ovino de R$ 95,00 em Mato Grosso do Sul a R$ 120,00 em regiões como São Paulo, produtores de várias outras culturas têm se atendado cada vez mais à criação do rebanho.

“A expectativa no estado para a criação de ovinos é muito boa, A Asmaco (Associação Sul-Matogrossense dos Criadores de Ovino), tem realizado vários trabalhos para chegar mais perto da categoria e assim contribuir para o crescimento da classe”, diz a médica veterinária e técnica de registro genealógico da Arco (Assistência a Rebanhos de Criadores de Ovinos), Verônica Guglielmi.

Um dos trabalhos que ajuda a avaliar os melhores animais acontece durante a 72ª edição da Expogrande, onde os criadores vão expôr 250 animais. Durante o evento que acontece dia 20 de março, o juiz Elton Bock vai analisar vários aspectos que decidirão quais animais oferecem melhor qualidade, dentro de suas categorias

Segundo Verônica hoje, o mercado precisa de constância de entrega e qualidade do cordeiro. “A Asmaco em parceria com o Sebrae/MS vai trabalhar com os produtores dentro de uma lógica de acompanhamento técnico gerencial até o momento da comercialização, para que haja fomento na produção”, diz.

Ela ressalta ainda que o mercado é exigente, mas existe uma grande procura pela espécie. A exportação é uma das etapas a ser alcançada, pois há compradores, porém Mato Grosso do Sul ainda não produz em quantidade suficiente.

Duas cidade que se destacam aqui no estado em relação a produção destes animais são: Dourados e Anaurilândia. “Tudo o que vai ser elaborado para outros grupos, estes já desenvolveram”, revela Verônica a respeito dos municípios do interior.


Fonte: Fábio Sarzi - Via Livre Comunicação
Voltar Imprimir
Deixar um comentário
Nome
Comentário
 

Notícias recentes

Peculiaridades de MS são inseridas em propostas da CNA para Plano Agrícola e Pecuário 2017/2018 21 de fevereiro de 2017 O workshop desta segunda-feira (20), conduzido pelo presidente do Sistema Famasul – Federação da Agricultura e Pecuária de MS, Mauricio Saito...
Com baixo consumo, preço da carne bovina cai 7% em Campo Grande 21 de fevereiro de 2017 Queda na arroba do boi além do consumo ainda desaquecido e migração das famílias para outras opções de proteína mais baratas, como o frango e c...
Safras de milho e soja da Argentina têm boas condições após chuvas, dizem analistas 21 de fevereiro de 2017 Chuvas nas principais regiões produtoras de grãos da Argentina na última semana favoreceram as safras de soja e milho 2016/17 do país, que estão ...
Oferta de fêmeas aumenta e ajuda a pressionar cotações da arroba em MS 21 de fevereiro de 2017 No Mato Grosso do Sul o mercado do boi gordo está bastante ofertado, promovendo recuos expressivos nos preços.A gestora do departamento econômico d...
Mapa disponibiliza relatório de subvenção ao prêmio do seguro rural 21 de fevereiro de 2017 O detalhamento da execução do Programa de Subvenção ao Prêmio do Seguro Rural (PRS), em 2016, com orçamento de R$ 400 milhões, 41,8% acima do d...
Na volta do feriado nos EUA, soja opera alta nesta 3ª com suporte de chuvas na Argentina 21 de fevereiro de 2017 O mercado da soja na Bolsa de Chicago voltou do feriado nos EUA atuando em campo positivo nesta terça-feira (21). Por volta de 7h10 (horário de Bras...
Piso salarial do trabalhador rural de MS será de R$ 1.036 a partir de março 21 de fevereiro de 2017 A partir do dia 1º de março, o piso salarial do trabalhador rural de Mato Grosso do Sul será de R$ 1.036, com vigência  até 28 de fevere...


Foto: Samir Baptista
Grande campeão da raça Texel durante a Expogrande.