Notícias

Financiamento da produção aumentou 14% em relação ao semestre anterior

10 de janeiro de 2019

Nos primeiros seis meses de financiamento da produção agropecuária (PAP 2018/2019) , os agricultores tomaram R$ 87,9 bilhões nas instituições financeiras do Sistema Nacional de Crédito Rural, de acordo com levantamento da Secretaria de Política Agrícola. A contratação do crédito rural teve incremento de 14% em comparação com igual período anterior. 

Na linha de financiamento do custeio foi aplicado R$ 51,2 bilhões, alta de 15%. A industrialização cresceu 6%, totalizando R$ 3,7 bilhões, e a comercialização teve alta de 1% em relação à safra passada, somando R$ 14,7 bilhões. Os investimentos tiveram incremento de 28%, alcançando R$ 18,3 bilhões.
 
Quanto aos programas de investimento, o Moderagro (Programa de Modernização da Agricultura e Conservação de Recursos Naturais) teve destaque no período analisado, com alta de 193%, representando aplicação de R$ 744 milhões. O Prodecoop (Programa de Desenvolvimento Cooperativo para agregação de valor à produção agropecuária) também tem incremento favorável de 178%, com R$ 622 milhões.
 
O diretor de Crédito Rural da Secretaria de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Antonio Luis de Moraes, destacou o bom resultado alcançado pelos programas prioritários de investimento, cujas contratações mantiveram forte expansão. Estes financiamentos se situaram em R$ 712 milhões, um aumento de 93%, no âmbito do Programa de Construção e Ampliação de Armazéns (PCA), em R$ 1,2 bilhão e 85% no Programa para Redução da Emissão de Gases de Efeito Estufa na Agricultura (Programa ABC) e em R$ 691 ou 67% no Programa de Inovação Tecnológica na Propriedade (Inovagro).
 
O crédito para a atividade agrícola atingiu R$ 63,4 bilhões e a pecuária R$ 24,4 bilhões. Quanto às fontes de recursos, a poupança rural controlada representou R$ 28,6 bilhões, com participação de 33% nas contratações do crédito rural. Em seguida, vem os Recursos Obrigatórios, com R$ 17,5 bilhões e participação de 20%.
 
Quanto aos recursos das Letras de Crédito do Agronegócio, as LCA’s registraram aplicação de R$ 15 bilhões, sendo que R$ 11,3 bilhões a taxas de juros favorecidas e R$ 3,7 bilhões a taxa livre de mercado.
 
Os números da contratação de julho a dezembro de 2018 constam do Relatório de Financiamento Agropecuário de liberação de recursos da safra 2018/2019 divulgado pela Secretaria de Política Agrícola, nesta quarta-feira (9).

Fonte: Mapa
Voltar Imprimir
Deixar um comentário
Nome
Comentário
 

Notícias recentes

Quarta-feira de tempo firme na maior parte do MS; umidade do ar em estado de atenção 23 de janeiro de 2019 Ao longo desta quarta-feira (23.01), a faixa norte de Mato Grosso do Sul poderá ter um dia parcialmente nublado com pancadas de chuvas acompanhada de...
Reinaldo anuncia metas na infraestrutura e quer prioridade ao escoamento da safra 23 de janeiro de 2019 O governador Reinaldo Azambuja anunciou que o Estado fará um replanejamento do sistema viário para estabelecer as obras prioritárias que serão exe...
Exportações com milho mantém desempenho positivo 23 de janeiro de 2019 Novos reajustes positivos para as cotações do cereal. O último indicador do CEPEA (21/jan) subiu 1,51% elevando a referência do físico para R$ 38...
Mercado do boi gordo com baixa movimentação em todas as praças 23 de janeiro de 2019 A quarta semana do ano começou com os compradores e vendedores analisando o mercado. Isso fez com que houvesse mais especulação do que negócios se...
Algumas áreas de algodão em MS foram replantadas por conta da estiagem 23 de janeiro de 2019 A Ampasul, Associação Sul-Mato-Grossense dos Produtores de Algodão publicou mais um informativo do seu programa Boas Práticas Fitossanitárias do ...
Recuo nas cotações da carne bovina no atacado 23 de janeiro de 2019 São três semanas seguidas de reajustes negativos no preço da carne bovina sem osso vendida no mercado atacadista. Desde o final de dezembro de 2018...
Nova fronteira agrícola será tema de congresso em Campo Grande 23 de janeiro de 2019 Os solos arenosos serão o centro do debate entre os dias 07 e 10 de maio, quando Campo Grande (MS) receberá o III Simpósio Brasileiro de Solos Aren...


Foto: Divulgação
O crédito para a atividade agrícola atingiu R$ 63,4 bilhões e a pecuária R$ 24,4 bilhões