Notícias

Grandes empresas da genética anunciam fusão

20 de dezembro de 2017

A Cooperative Resources International (CRI) - da qual fazem parte a GENEX Cooperative, AgSource e MOFA Global - e a Koepon Holding BV, detentora da Alta Genetics, Valley Ag Software e SCCL, anunciam o início do processo de fusão de suas operações. A nova empresa deve se tornar a maior organização genética do mundo, com sede em Wisconsin, nos EUA.

 
O acordo é não-vinculativo e está sujeito a due diligence e outras condições habituais, incluindo o atendimento a requisitos governamentais, entre outras aprovações. Uma vez concluído, o acordo final estará subordinado à aprovação por ambos os conselhos de administração, bem como os delegados da CRI. 
 
Se bem-sucedida, as organizações planejam formalizar a fusão até meados de 2018. A Koepon é de propriedade privada, e a CRI é uma cooperativa de produtores rurais. A estrutura de operações da CRI será mantida como uma cooperativa na entidade resultante da fusão.
 
CRI Genética Brasil e Alta Genetics do Brasil são, respectivamente, subsidiárias destas empresas e permanecerão separadas, mesmo quando a fusão de CRI e Koepon for aprovada.
 
“Recebemos com muita alegria e visão de oportunidades o anúncio da fusão entre CRI e Koepon. Acreditamos num fortalecimento global no desenvolvimento de tecnologias que contribuam para oferecer o melhor em genética aos produtores. Podemos esperar, num futuro próximo, um enorme avanço nas pesquisas em genética e nos serviços oferecidos aos produtores de leite e corte, em todo o Brasil. Elevaremos o uso da inseminação artificial e o melhoramento genético de bovinos, no Brasil, para um outro nível. No entanto, é preciso reforçar que a CRI Genética Brasil e a Alta Genetics do Brasil continuarão sendo concorrentes no mercado brasileiro. Mas cada uma buscando oferecer, a seu modo, as mais inovadoras e avançadas tecnologias do setor aos seus clientes”, destaca o diretor da CRI Genética Brasil, Sergio Saud.
 
“A fusão representa um grande ganho no desenvolvimento de produtos e serviços de genética. Ambas as empresas possuem um vasto portfólio de programas de leite e corte que, a partir da unificação, representará um enorme avanço em pesquisas genéticas em todo mundo. O acordo será um passo importante e uma grande conquista para o setor produtivo”, destaca o presidente da Alta Brasil, Heverardo Carvalho.

Fonte: Attuale Comunicação
Voltar Imprimir
Deixar um comentário
Nome
Comentário
 

Notícias recentes

Acrissul e ABCC definem agenda do cavalo crioulo para 2019 12 de dezembro de 2018 A Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul) e uma delegação da ABCCC (Associação Brasileira dos Criadores de Cavalo Crioulo) def...
“Presidente nos deu carta branca pra fazermos o Ministério dos sonhos”, diz Tereza Cristina 12 de dezembro de 2018 A futura ministra da Agricultura e Pecuária, deputada Tereza Cristina (DEM-MS), está a poucos dias de concluir a restruturação da pasta que irá c...
Contêiners vão a leilão presencial hoje à tarde em Campo Grande 12 de dezembro de 2018 Trinta contêineres metálicos, estruturados e adaptados para funcionar como salas de aula (em áreas urbanas ou rurais), são as principais atraçõe...
Bancada ruralista defende prorrogação do prazo para Refis do Funrural 12 de dezembro de 2018 A Frente Parlamentar Agropecuária (FPA) quer que o governo do presidente Michel Temer edite uma Medida Provisória (MP) prorrogando novamente o prazo...
Mercado do boi gordo com cenários distintos 12 de dezembro de 2018 Em algumas regiões, a oferta moderada de boiadas mantém as cotações firmes, com os compradores ofertando preços maiores pela arroba.É o caso de ...
IBGE confirma otimismo e produção de soja deve crescer 3,6% em MS 12 de dezembro de 2018 O segundo prognóstico para a safra 2019, divulgado nesta terça-feira (11) pelo IBGE, mantém a previsão de produção recorde de soja em Mato Gross...
Ritmo acelerado no mercado de animais para reposição 12 de dezembro de 2018 O mercado de reposição segue com bom ritmo de negociações e como a oferta de animais está abaixo da demanda, as cotações estão firmes. Al...