Notícias

Nota de Repúdio à Escola de Samba Imperatriz Leopoldinense

09 de janeiro de 2017

A Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul), em nome dos produtores rurais, vem, a público, REPUDIAR com indignação e veemência, o samba enredo divulgado pela Escola de Samba Imperatriz Leopoldinense que, com extremo desconhecimento da causa e da história, manifesta em sua composição uma versão odiosa, repugnante e preconceituosa, totalmente distorcida do setor agropecuário brasileiro, repassando uma imagem de destruidor de florestas e da natureza, invasor e monstro, num evento cultural de conotação internacional que é o Carnaval.

A liberdade de expressão não pode servir de instrumento de disseminação da ignorância ou para disseminar o ódio entre as camadas sociais. Os trabalhadores do agronegócio, por respeito aos postulados democráticos, perdoam também nesta nota aqueles ignorantes do samba.

Impingir tais difamações ao agronegócio é ignorar a realidade social, econômica e estatística brasileira, em cujos números repousam o fato inconteste de que graças ao setor agropecuário o País vem, desde 1994 (com o Plano Real) servindo de âncora verde para a economia nacional, sustentando a balança comercial e o crescimento do PIB, com significativa representatividade na criação e manutenção de empregos.

Ano após ano o agronegócio bate novos recordes na produção e produtividade. A pecuária vem adotando incomparáveis práticas sustentáveis, graças ao empenho dos produtores rurais, da iniciativa privada e dos órgãos oficiais de pesquisa. O uso de técnicas de integração colocaram Mato Grosso do Sul na vanguarda dessas práticas. E o País avança sem precedentes para tornar-se o celeiro do mundo de maneira a não  precisar derrubar uma árvore sequer.

Mas isso a Imperatriz Leopoldinense ignora. Assim como também ignora o fato de que o Brasil conquistou em 2016 os mais exigentes mercados consumidores de carnes, inclusive os Estados Unidos. E também ignora o fato de que o País exporta pesquisas agropecuária para o mundo inteiro, sob o verde selo da sustentabilidade e do respeito ao Homem e à Natureza.

A manifestação de tais preconceitos só corrobora para a imagem lá fora de um escrachado Brasil sem memória.

A Acrissul sempre atuante e vigilante marca sua presença.

Quem não gosta do agro bom sujeito não é.

Campo Grande (MS) 9 de janeiro de 2017.


Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul)
Jonatan Pereira Barbosa - Presidente

 


Fonte: Acrissul
Voltar Imprimir
Deixar um comentário
Nome
Comentário
 

Notícias recentes

Sexta-feira com pancadas de chuva e máxima de 35°C em Mato Grosso do Sul 06 de dezembro de 2019 O tempo em Mato Grosso do Sul nesta sexta-feira (06.12) deve permanecer instável. A previsão do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) é de cé...
Decreto regulamenta atualização de cadastro obrigatório para produtores rurais 06 de dezembro de 2019 O Governo do Estado publicou nesta quinta-feira (05), decreto que regulamenta o Proacap (Programa de Atualização do Cadastro da Agropecuária e do E...
Ministério celebra Dia Mundial do Solo com debate sobre produção sustentável 06 de dezembro de 2019 O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento realizou nesta quinta-feira (5) seminário para marcar o Dia Mundial do Solo. A data foi insti...
Boi gordo: vendas de carne continuam sendo o entrave 06 de dezembro de 2019 No fechamento da última quarta-feira (4/12), considerando a praça de São Paulo, a cotação do boi gordo recuou 2,1% e ficou em R$ 215,00/@ à vist...
Sistemas integrados melhoram em até cinco vezes a produtividade de carne 06 de dezembro de 2019 Como passar de 4 a 6 arrobas de carne por hectare ao ano para uma produtividade pecuária de 20 a 30 arrobas por ha/ano? Para o pesquisador Luiz Adria...
Prazo para cadastro das áreas de cultivo de soja em MS termina dia 10 de janeiro 06 de dezembro de 2019 O prazo para registro das áreas onde os produtores de Mato Grosso do Sul farão o cultivo da soja na safra 2019/2020 termina dia 10 de janeiro. O reg...
Ministério assina contrato com o BID para destinar US$ 200 milhões para a Defesa Agropecuária 06 de dezembro de 2019 O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento assinou nesta quarta-feira (4) o contrato de empréstimo com o Banco Interamericano de Desenvo...